Voxel
49
Compartilhamentos

E3 2018: quais foram os games que mais se destacaram na feira?

Último Vídeo

A E3 2018 foi e nos deixou emocionados, querendo mais, esperando mais e atiçou o hype inerte dentro de cada um de nós. Caso você tenha perdido ou esqueceu de alguma coisa, nós vamos relembrar aqui nesta lista dos maiores destaques da E3 2018. E, mesmo que você já tenha visto tudo, nunca é demais dar aquela relembrada e reviver boas lembranças.

Certamente, “destaque” é relativo e cada um pode considerar títulos diferentes para estar nesta lista. Portanto, essa é uma seleção do Voxel e convidamos todos vocês a comentarem e colaborarem com a lista nos comentários (seja discordando, concordando ou adicionando games). Portanto, vamos lá!

EA Games

A EA Games teve uma conferência bem mais morna neste ano e não apresentou diversos títulos bem aguardados, como os Star Wars em produção (tanto da Motive quanto da Respawn) e nem projetos novos que empolgaram bastante, mas mesmo assim trouxe alguns títulos que nos deixaram de olhos abertos no futuro.

Anthem com muito gameplay e diversas novidades

-

Sea of Solitude, um inde bem contemplativo e original (apesar de não ser um anúncio novo)

-

FIFA 19 com novos detalhes e modo Copa do Mundo

-

Battlefield V finalmente tem seu modo Battle Royale confirmado

-

Microsoft

A Microsoft foi, sem dúvidas, uma das melhores conferências (para não dizer a melhor) da E3 2018 e trouxe um arsenal de anúncios para mostrar que não estava brincando em serviço. De first a third parties, novidades é o que não faltou, mas separamos as mais marcantes.

Gears of War 5 finalmente revelado! Teremos Kait como protagonista e cenários mais variados

-

Gears of War Tactics? Por que não? A novidade para PC parece bem divertida

-

Forza Horizon 4 mais uma vez roubou o palco e mostrou que é uma das melhores séries de corridas que há

-

Halo Infinite deu as caras e nos deixou com a dúvida: seria ele apenas para nova geração?

-

Battletoads retornará! Mesmo sem detalhes, a novidade é empolgante

-

Sekiro: Shadows Die Twice mais uma vez mostrou que a From Software sabe como hypar qualquer um

-

Devil May Cry 5 apareceu incrível no seu primeiro trailer e tem potencial de ser o melhor da série

-

Dying Light 2 terá Chris Avellone no roteiro e promete uma trama e atmosfera muito mais ambiciosas

-

Cyberpunk 2077 finalmente foi revelado e nos deixou querendo mais, mesmo que possa não sair nessa geração

-

Bethesda

Apesar de não ser tão grande quanto Microsoft ou Sony, a Bethesda teve seu lugar ao sol e brilhou forte em diversos anúncios empolgantes. Alguns deles estão bem longe, claro, mas a aparição de novas IPs e o retorno de The Elder Scrolls, Wolfenstein  e Doom foi suficiente para reforçar o compromisso da companhia com o público.

Doom Eternal foi anunciado e é a edição Hell on Earth que os fãs merecem

-

Wolfenstein: Youngblood vai ser mais um game da série em que mataremos nazistas (mas dessa vez nos anos 80)

-

Fallout 76 é um game totalmente online e um projeto que os fãs pedem há anos

-

The Elder Scrolls VI foi anunciado, mas tá tão longe que é bom esperar sentado

-

Starfield será um game à la The Elder Scrolls no espaço que será somente para a próxima geração

-

Rage 2 teve seu primeiro gameplay e demonstrou muita fluidez e ação de primeira

-

Square Enix

Com um modelo pouco convencional, a Square Enix fez diferente e seguiu os passos da Nintendo, fazendo uma espécie de vídeo gravado para mostrar novidades. Apesar de ter dois grandes desfalques (Avengers Project e Final Fantasy VII Remake), a Square trouxe uma dose razoável de novidades.

The Quiet Man, um game em que controlamos um personagem surdo que desce a porrada nos outros

-

Babylon’s Fall é difícil de entender pelo teaser tão pequeno, mas é da Platinum Games e podemos esperar qualidade

-

Shadow of the Tomb Raider finalmente ganhou um gameplay público e realmente parece bacana

-

Kingdom Hearts 3 mostrou novos mundos, como Piratas do Caribe e Frozen, e mais detalhes da trama

-

Ubisoft

A Ubisoft seguiu passos semelhantes ao da EA Games e mostrou coisas que já estavam planejadas, dando pouco espaço para anúncios novos (mas recheando o que já existe com novidades). Apesar de ser meio morno, vimos bastante de The Division 2 e outros games que parecem empolgantes no futuro da desenvolvedora.

The Division 2 terá o Ano 1 inteiro gratuito para os jogadores e mostrou uma Washington devastada bem interessante

-

Assassin’s Creed Odyssey finalmente se tornou um RPG de peso e promete novidades para esse ano

-

Beyond Good and Evil 2 ainda parece em estágios iniciais, mas parece bem ambicioso

Sony

A Sony teve uma conferência muito mais contida, com pouquíssimos games, mas esbanjou qualidade de sobra por lá, mostrando principalmente os seus first parties e dando pouquíssimo espaço para empresas terceiras (mas que também tiveram uma participação bem importante).

The Last of Us Part II teve um gameplay de cair o queixo que mostrou que a Naughty Dog não brinca em serviço

-

Ghost of Tsushima é o mundo aberto de samurais que os fãs pedem há muitos anos e ostentou qualidade

-

Spider-Man mais uma vez ganhou um trailer de gameplay bem empolgante que apresentou novos vilões

-

Death Stranding continua tão enigmático (e confuso) como sempre, mas agora com gameplay

-

Resident Evil 2 Remake fez os fãs nostálgicos caírem da cadeira e reforçou o compromisso da Capcom com suas franquias

-

Nioh 2 foi anunciado e vai apresentar uma briga boa com Sekiro e Ghost of Tsushima no mundo samurai

-

Nintendo

Mais uma vez, a Nintendo trouxe um Direct de uma hora com um compilado bem grande de jogos (alguns deles apareceram bem rapidamente, como Overcoocked 2 e Dragon Ball FighterZ), mas outros ganharam bastante atenção e mostraram o que gostaríamos de ver. Uma pena que Bayonetta 3, Yoshi e Metroid Prime 4 ficaram de fora.

Daemon X Machina é um game à la Zone of the Enders da Marvelous e parece bem promissor

-

Super Mario Party pode ser o retorno da franquia que finalmente será bom

-

Fire Emblems Three Houses pode ser o melhor Fire Emblem de todos os tempos (assim esperamos)

-

Super Smash Bros. Ultimate teve nada menos que 25 minutos de demonstração e será o maior da série

-

...

Essa foi a nossa seleção. Tem alguma coisa que deixamos passar? Tem algum game que você acha que foi destaque e merecia estar aí? Deixe seu comentário abaixo!

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.

Voltar para notícia
Carregando...
Comentários
Participe agora deixando seu comentário Acesse sua conta
Carregando...
Este comentário foi apagado. Desfazer
+1
-1
Este comentário foi apagado. Desfazer
Responder Excluir Editar
+1
-1
Ver mais comentários Ver mais comentários