Voxel

Jogamos Prey: Typhon Hunter e conversamos com a Arkane sobre o update

Último Vídeo

Prey está recebendo bastante conteúdo no pós-lançamento. Em junho foi lançada a DLC Mooncrash, e até o final do ano a DLC receberá a atualização gratuita Typhon Hunter, com experiências single e multiplayer, ambas com suporte à realidade virtual.

prey

A experiência single player são três escape rooms exclusivamente em VR e, durante a Quakecon 2018, pudemos testar uma delas. Assim como no jogo principal, você assume o papel de Morgan e precisa completar um experimento misterioso no seu escritório.

A movimentação usa o recurso de teleporte e é bem fácil e confortável andar pelo escritório. O jogo consiste basicamente em procurar pistas pelo cenário e interagir com objetos, sem combate (pelo menos na fase que jogamos). A jogatina teve alguns momentos bem interessantes, como quando eu estava de frente para uma lousa com os códigos, e tinha que olhar para outra lousa, em outro ambiente, para quebrá-lo. Como você realmente usa os objetos com suas “mãos virtuais”, a experiência é bem imersiva.

prey

O jogo tem um senso de profundidade e altura bem legal. Não foram poucos os momentos que precisei abaixar ou ficar na ponta dos pés para pegar algum objeto ou escanear uma esfera brilhante no alto. Colabora tanto para imersão, quanto para o quão ridículo você parece enquanto joga.

As escape rooms foram feitas para serem experiências de “uma única vez”, mas como explicou Ricardo Bare, designer chefe do jogo, quem terminou a campanha principal de Prey vai encontrar muitos easter eggs e referências no ambiente.

prey

Infelizmente a parte multiplayer do Typhon Hunter não estava jogável na Quakecon, mas pudemos saber um pouco mais sobre ela na entrevista com Ricardo. O modo é competitivo para seis jogadores – cinco jogam como mímicos e um como Morgan, que tem o objetivo de encontrar e matar os mímicos antes do tempo acabar. É como um jogo mortal de esconde-esconde, explica Ricardo.

A inspiração veio da própria comunidade, que viu nos mímicos uma oportunidade para um modo de jogo parecido com o Garry’s mod Prop Hunt. “Quando estávamos trabalhando em Prey e os Mímicos ficaram online pela primeira vez e as pessoas viram como eles funcionavam, começaram a falar que aquilo daria um multiplayer muito legal, no estilo de Prop Hunt”, conta Ricardo.

prey

Esse modo pode ser jogado normal ou em realidade virtual. Morgan vai se movimentar por teleporte, assim como a escape room. Para os mímicos, Ricardo comentou que estão testando algo diferente e que, se tudo der certo, a movimentação vai ser parecida com carrinho de controle remoto.

Typhon Hunter parece uma boa adição para a DLC Mooncrash, com opções com e sem realidade virtual. As escapes rooms, apesar de serem bem legais, são uma experiência mais curta. A jogatina a longo prazo deve mesmo acontecer no modo multiplayer, que por sorte funciona para quem tem e para quem não tem VR. Typhon Hunter ainda não tem data de lançamento confirmada, mas chega ainda esse ano.

*A redatora viajou para a Quakecon a convite da Bethesda

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.
Voltar para notícia
Carregando...
Comentários
Carregando...
Este comentário foi apagado. Desfazer
+1
-1
Este comentário foi apagado. Desfazer
Responder Excluir Editar
+1
-1
Ver mais comentários Ver mais comentários