Voxel
89
Compartilhamentos

Pendências? Os melhores jogos de 2018 para aproveitar a seca até setembro

Último Vídeo

Já faz algum tempo que o início do ano ocupou a posição do fim do ano em matéria de lançamentos importantes. Em algum lugar entre os dois há o meio, que representa o tradicional período de entressafra. Em 2018, não é diferente: até setembro, o mercado está morno.

Logo, é o momento IDEAL para você acabar com aquelas (infinitas) pendências, e não necessariamente precisam ser deste ano. Eu, por exemplo, tenho um backlog que vem desde o Nintendinho.

Mas, por enquanto, eis aqui a seleção de alguns dos melhores jogos de 2018 (até aqui, é claro) para você relembrar e lamentar o tempo que não tem para jogar:

Monster Hunter World (PS4, Xbox One)

A Capcom acertou em cheio ao criar um ecossistema online tão vivo e tão viciante, acessível a todos os jogadores – veteranos da franquia e marinheiros de primeira viagem.

sdvfsd

Dragon Ball FighterZ (PS4, Xbox One e PC)

Depois de Budokai, os fãs buscam um “sucessor” à altura dentro do universo Dragon Ball. E Dragon Ball FighterZ talvez tenha respondido a muitos desses fãs – até porque é da Arc System Works, que manja tim tim por tim tim do que faz em jogos de luta.

Shadow of the Colossus (PS4)

O clássico do PS2 renasceu cheio de vigor no PS4, com direito a otimizações no PS4 Pro e uma direção de arte tão marcante quanto a do original.

Kirby Star Allies (Switch)

Star Allies pode não ser o melhor jogo do mascote rosa da Nintendo, mas certamente soube aproveitar os recursos do Switch com maestria. É um item que merece estar na sua coleção.

Sea of Thieves (Xbox One e Windows 10)

A Rare tem feito um grande trabalho nas atualizações de Sea of Thieves para trazer mais conteúdo ao título desde que ele nasceu. O jogo vendeu bem e ainda ferve em popularidade.

sdvds

A Way Out (PS4, Xbox One e PC)

Josef Fares, diretor de A Way Out, não é um cara polêmico qualquer: ele também mostrou exímia competência em A Way Out, uma das melhores experiências cooperativas dos últimos tempos.

Ni No Kuni 2: Revenant Kingdom (PS4 e PC)

A sequência de Ni No Kuni respeitou o encanto da franquia e aprimorou o sistema de combate dentro de um mundo colorido, vivo e imenso.

Far Cry 5 (PS4, Xbox One e PC)

Far Cry 5 foi o melhor jeito possível de você matar as saudades de um clássico Far Cry, já que Primal não foi tão bem recebido quanto a Ubisoft esperava. Joseph Seed não precisa ser parecido com Vaas Montenegro, de Far Cry 3, mas é um Vilão com “V” maiúsculo mesmo.

dgdg

Yakuza 6 (PS4)

A saga de Kazuma Kiryu continua em Yakuza 6, que já é considerado um dos maiores da franquia. Mais minigames, mais atividades e mais narrativa do burburinho japonês que nós tanto amamos ver.

God of War (PS4)

Inesquecível como não poderia deixar de ser, a jornada de Kratos e Atreus foi o melhor reinício possível para uma das principais franquias da família PlayStation. As mudanças no sistema de câmera e combate foram uma aposta dos estúdios Santa Monica – e muito bem aplicadas.

State of Decay 2 (Xbox One e Windows 10)

Atropelar zumbis, conseguir armas novas e plantar armadilhas são apenas detalhes em State of Decay 2: o gerenciamento da sua comunidade – no melhor estilo simulador mesmo – é o grande desafio aqui. O título já passou dos 3 milhões de jogadores ativos e continua no ápice de sua popularidade.

rthg

Dark Souls Remastered (PS4, Xbox One e PC)

Ainda não abraçou o masoquismo? Então deixe que ele abrace você: Dark Souls Remastered é a porta de entrada a uma das melhores séries de todos os tempos. Seja bem-vindo ao peculiar gosto de apanhar.

Detroit: Become Human (PS4)

A nova entrega da Quantic Dream traz um pacote com narrativa poderosa e dividida em cenários diferentes que o jogador aciona conforme suas escolhas. Para muitos, a qualidade está bem perto de Heavy Rain.

Hollow Knight (Switch)

Lançado em 2017 para PC, Hollow Knight rapidamente conquistou avaliações positivas na plataforma e ganhou notoriedade. O jogo alcançou um público maior com o lançamento recente no Switch e merece ser experimentado por todos que amam um bom metroidvania.

fbf

Mario Tennis Aces (Switch)

Mario Tennis Aces é a forma mais genuína de matar as saudades de um Mario Tennis clássico, só que, dessa vez, você tem uma quantidade muito maior de poderes – tem hora que a disputa vira uma treta baseada nesses poderes, e nem tanto na técnica de jogar o esporte.

The Crew 2 (PS4, Xbox One e PC)

O aspecto mais lúcido de The Crew 2 é que ele é um produto honesto, que abraçou o jeito arcade de ser. Ele não tenta ser um jogo sério; simplesmente te bota no controle de aviões, carros e barcos da maneira mais inusitada possível (o primeiro só tinha carros) num mundo aberto gigantesco.

tjgh

----

Julho e agosto têm pouquíssimos lançamentos de peso: Octopath Traveler, Mega Man X Legacy Collection, Yakuza 0, Overcooked 2, Yakuza 3 (no Japão), The Walking Dead: Última Temporada, We Happy Few e Yakuza Kiwami 2 (Ocidente) são alguns dos destaques. Em setembro, começa a avalanche: Shadow of the Tomb Raider, Spider-Man, e aí vem outubro com Forza Horizon 4, Red Dead Redemption 2...

Aproveite a relativa “seca” até lá e faça uma varredura de sua lista de 2018 (ou de antes disso, é claro). Que jogos não citados aqui você planeja jogar para liberar esse terreno? Conte a nós aqui embaixo, na seção de comentários.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.

Voltar para notícia
Carregando...
Comentários
Participe agora deixando seu comentário Acesse sua conta
Carregando...
Este comentário foi apagado. Desfazer
+1
-1
Este comentário foi apagado. Desfazer
Responder Excluir Editar
+1
-1
Ver mais comentários Ver mais comentários