Voxel
242
Compartilhamentos

Tudo que você precisa saber sobre Sekiro: Shadows Die Twice

Último Vídeo

Está com saudades de um jogo com aquela dose alta de sufoco? E de morrer? E morrer de novo? E morrer mais uma vez? Então se prepare, porque Sekiro: Shadows Die Twice, o novo jogo da FromSoftware, está chegando.

Apesar de carregar parte da bagagem e do estilo dos outros jogos do estúdio, ele não vem como um souls tradicional. Mudanças na progressão do personagem, no enredo e na movimentação dão uma cara diferente para o jogo, ao mesmo tempo que mantém essência do estilo. Vamos conferir tudo o que você precisa saber sobre Sekiro: Shadows Die Twice?

Protagonista definido e novidades na jogabilidade

Em Sekiro não existe criação de personagem nem escolha de classes. Você é Wolf, um shinobi que tem a missão de resgatar seu mestre e se vingar de seu arqui-inimigo – tudo isso no Japão do período Sengoku, no final do século 16, conhecido por ser uma era sangrenta.

Sekiro

Com um protagonista definido a FromSoftware pode criar uma história mais densa e com mais personalidade, incluindo diferentes finais e elementos que, segundo o diretor do jogo Hidetaka Miyazaki, vão te incentivar a repetir a aventura. Para chegar no objetivo que queriam, eles tomaram a decisão de criar um jogo totalmente offline, sem nenhum tipo de interação pela internet.

A jogabilidade também traz novidades à formula: Sekiro é mais rápido, mas sem perder a carga estratégica. Tudo é mais vertical, desde o combate até a exploração. Wolf pode pular, o que abre possibilidades no combate. Para explorar o ambiente, ele tem um gancho que o permite subir em telhados, galhos de árvore e onde mais o cenário permitir, o que ajuda muito no stealth - uma mecânica bem presente no jogo.

Sekiro

Seja chegando de fininho, se escondendo no mato, pendurado na beirada ou de cima de um telhado, você tem outras possibilidades para matar os inimigos além do combate frente a frente. Mas se engana quem acha que Sekiro vai virar um Metal Gear – em muitos momentos a luta de espadas e a estratégia serão inevitáveis.

Além da espada, Wolf tem um braço mecânico que pode ser aprimorado para oferecer uma variedade de ataques - como shurikens, bomba ninja, machado e equipamento de fogo.

Voltando das cinzas

Sekiro é um jogo da FromSoftware, então é esperado que você morra muito – e quem já teve a chance de jogar confirma que isso não mudou. A novidade é a mecânica de ressurreição. Quando você morre, pode optar por morrer de vez e voltar para o último checkpoint ou voltar a vida no mesmo local e momento que morreu. O diretor do jogo disse que a ressurreição não veio para facilitar o jogo. Segundo ele, vai deixa-lo mais difícil.

Sekiro

Essa mecânica tem uma explicação no enredo da história: o protagonista Wolf faz parte da linhagem dos que tem sangue de dragão. Mas tem uma maldição envolvida – se ele se ressuscita demais, uma espécie de contaminação começa a se espalhar pelo mundo, deixando as pessoas doentes. Ainda não é certo, mas se espera que os diferentes níveis de contaminação influenciem o final do game.

A contaminação dos NPCs não é a única desvantagem da ressurreição – quando o jogador escolhe essa opção, perde uma boa parte do XP acumulado. E ela também não é ilimitada: o jogador pode ressuscitar só uma vez – na segunda morte, ele volta automaticamente para o checkpoint.

Progressão com árvores de habilidades

Apesar do seu personagem ser pré-definido e não ter escolha de classes, haverá formas de personaliza-lo, como se espera de um action RPG. A progressão funciona com alguns recursos: experiencia, que você só ganha quando mata inimigos, moedas, materiais e itens relacionados a cura: os Prayers Beads, que você ganha ao matar chefes e em salas secretas e aumentam sua barra de vida e postura, e a poção de cura Gourd, que pode ser aprimorada, parecida com Estus Flask de Dark Souls.

Sekiro

A experiência é usada para liberar novas habilidades. Sabe as clássicas três árvores de habilidades, cada uma focada em uma coisa? É exatamente assim que Sekiro vai funcionar. Ele tem a Shinobi Arts, com foco em stealth e controle de grupo, Ashina Arts, mais parecido com um guerreiro tradicional e Prosthetic Arts, que mexe com o braço mecânico e oferece maneiras diferentes de encarar os combates. E como a FromSoftware não veio para facilitar, para conseguir a habilidade não basta juntar a experiência necessária: o jogador também vai precisar encontrar itens específicos.

Sekiro

Os materiais serão usados para melhorar o braço prostético, e isso vai ser feito no hub do jogo, onde ficam alguns NPCs que dão apoio a Wolf. A área, chamada Dilapidated Temple terá, inicialmente, três NPCs: The Sculptor, que vai fazer as melhorias no braço mecânico, Emma, que cuida da parte da saúde e faz os upgrades na Gourd, e The Immortal Soldier, que é basicamente seu saco de pancadas: ele te ensina combos, ataques, defesas, esquivas e é com quem você pode treinar. Segundo a FromSoftware, outros personagens vão aparecer na história e podem acabar populando seu hub ao longo da aventura.

Liberdade para o jogador

O mapa de Sekiro também vai ser diferente do que os fãs da desenvolvedora japonesa esperam. Segundo um dos produtores do game, em comparação com os jogos anteriores da empresa, ele é o que vai oferecer a maior liberdade de exploração para o jogador. Ele diz que na segunda metade da jornada o mundo se abre bastante, e o jogador terá muita liberdade para escolher como explora-lo.

Sekiro

E aí, animado para experimentar essas novidades na fórmula souls? Ansioso para encarar o desafio e se sentir o jogador mais habilidoso do mundo a cada chefe derrotado? Sekiro Shadows: Die Twice chega dia 22 de março para PC, Xbox One e Playstation 4, com textos e legendas totalmente em português do Brasil.

Se você se interessou por Sekiro, clica no link para conferir as ofertas para Playstation 4, Xbox One e PC.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.
Voltar para notícia
Carregando...
Comentários
Carregando...
Este comentário foi apagado. Desfazer
+1
-1
Este comentário foi apagado. Desfazer
Responder Excluir Editar
+1
-1
Ver mais comentários Ver mais comentários