Voxel
65
Compartilhamentos

Xbox One X assopra velinha de seu primeiro ano de vida

Último Vídeo

O Xbox One X completou, nesta quarta-feira (7), um ano de vida. Lançado no dia 7 de novembro de 2017, o console assopra sua primeira velinha sob a proposta de oferecer resolução em 4K e performance melhorada a títulos seletos. No Brasil, o console chegou em dezembro.

São mais de 100 jogos aprimorados para o sistema, de acordo com o site oficial do Xbox, incluindo nomes do Xbox 360, jogáveis na atual plataforma graças à retrocompatibilidade. O primeiro Xbox também entrou na brincadeira. Games como Red Dead Redemption, Gears of War 2 e 3, Halo 3The Elder Scrolls 4: OblivionSonic Generations são alguns dos destaques que foram turbinados no aparelho.

Benefícios na retrocompatibilidade

No caso dos jogos retrocompatíveis, que têm um código mais difícil de ser trabalhado em função do cruzamento de gerações, a Microsoft se propôs a trazer os seguintes benefícios aos donos de Xbox One X:

  • Anisotropic filtering de 16x, que, basicamente, é um método de corrigir texturas em superfícies que sejam oblíquas em relação ao ângulo da câmera – em outras palavras, é uma técnica que visa minimizar serrilhados;
  • Taxa de quadros por segundo estável;
  • Resolução dinâmica que pode alcançar o 4K nativo em seu pico;
  • V-sync, que busca executar os jogos com a mesma taxa de atualização de imagem (ou responsividade) do monitor/TV.

hsfh

Próximos anos: projeção de crescimento

Com a consolidação de serviços, a aquisição de novos estúdios e, com isso, a iminente chegada de mais first-parties, além do hardware parrudo, a Microsoft projeta um desfecho de geração promissor para o Xbox One X – que deve dar a sobrevida necessária à geração na reta final.

Os jogos para o console, especialmente os exclusivos, já são desenvolvidos com o X em mente, do zero, com um patch que "nasce" com eles – caso de Forza Horizon 4Shadow of the Tomb Raider e The Crew 2, só citar alguns.

afa

Enquanto isso, outros projetos estão em andamento: o aumento de títulos retrocompatíveis, a ampliação do Xbox Game Pass, a aliança com diversos parceiros-chave – a exemplo de Ubisoft e Bethesda, atualmente – e a proximidade com o Japão são alguns dos alicerces da Microsoft neste momento.

Só o tempo dirá de que maneira o futuro pode se desenhar. O que você acha? Como avalia o desempenho do Xbox One X no mercado, tal como ele está? Deixe sua opinião aqui embaixo, na seção destinada aos comentários.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.

Voltar para notícia
Carregando...
Comentários
Participe agora deixando seu comentário Acesse sua conta
Carregando...
Este comentário foi apagado. Desfazer
+1
-1
Este comentário foi apagado. Desfazer
Responder Excluir Editar
+1
-1
Ver mais comentários Ver mais comentários