BioShock
Seu Review foi enviado com sucesso.
Enquanto ele fica pendente de aprovação, dê sua nota para o jogo. Sua opinião é importante para a comunidade!

BioShock

Avaliar este jogo
Voxel
BioShock

BioShock

Fazer review
92
Nota
do Voxel
Avaliado no PC
Nota
da comunidade
Avaliar este jogo
Últimas atividades
Nenhum resultado

Review enviada por

Dica enviada por
Carregar Mais
Ficha Técnica
Data de lançamento 21/08/2007
Classificação Para maiores de 17 anos
Desenvolvedora Irrational Games
Distribuidora 2k Games
Número de jogadores 1-1
Sobre

Bioshock é um jogo de tiro em primeira pessoa desenvolvido especialmente para Xbox 360, PlayStation 3 e PC (baixe o DEMO agora mesmo no Baixaki) a partir de uma versão otimizada da Unreal Engine 3, o que garante belos gráficos e efeitos de luz e física surpreendentes. A Irrational Games, mesma de System Shock 2, é responsável pelo sucessor espiritual deste último, através da utilização de elementos de terror, suspense em um cenário irreal e amedrontador.

O apelo estético e a premissa da história são outros fatores que contribuem para conservar a essência sombria de Bioshock. O enredo se passa na cidade submarina Rapture, um complexo tecnológico que abrigava as mentes mais brilhantes de seu tempo. O período em que foi criado é a desolada década de 40 que, como sabemos, estava em meio a guerras, ascensão de regimes totalitaristas e uso de armas atômicas.

Não é de se espantar que tais cientistas tenham feito um local utópico que mantivesse toda a estética dos Estados Unidos da época junto a todas as facilidades tecnológicas possíveis: jukeboxes, bares com néon e cartazes de pin-ups, tudo sob as regras da art déco. Entretanto, o problema começa quando drogas que alteram o material genético das pessoas são incluídas nesta, até então, sociedade perfeita. Inicia-se, portanto, a queda e ruptura deste sonho.

O protagonista inicia sua aventura tentando sair deste local prestes a ruir. Inúmeras rachaduras e vazamentos nos vidros, que separam a cidade da pressão do oceano, fazem o jogador constamente lembrar do perigo iminente da submersão. Não bastando isso, existem inúmeras criaturas grotescas, sanguinolentas e hostis,subprodutos de repetidas alterações genéticas, sempre prestes a atacar a tudo e a todos.

Essa violência também está presente nos gráficos, que apresentam sangue realista, vísceras à mostra, além de incluir elementos controversos, tais como incluir uma menina sob a mira do jogador. A possibilidade de se modificar armas e do protagonista usufruir dos superpoderes dessas produtos de alteração genética completam as características mais marcantes de Bioshock.

Ver mais