Pegue sua espada e divirta-se como nunca [vídeo]

Jogatina BJ

Jogos online de tiro em primeira pessoa existem aos montes por aí, mas são poucos os games que resolvem sair do esquema “exército, rifles e pistolas” para tentar algo diferente. Chivalry: Medieval Warfare é um desses títulos “inovadores”, colocando batalhas medievais no lugar dos tiroteios sem fim.

A ideia de criar um FPSF (first person sword fighting?) em que você controla um soldado com espada e escudo nas mãos é interessante por si só, mas será que o jogo consegue ir além e ser realmente bom ou ele fica apenas sendo uma boa ideia, mas mal-executada?

Chivalry: Medieval Warfare é um jogo que poderia passar despercebido entre tantos outros FPS e games de ação medieval, mas a facilidade com que você consegue dominá-lo, assim como as diversas situações cômicas que ele proporciona, faz do título algo que todos os fãs de um bom multiplayer deveriam jogar.

Violento, engraçado e divertido, Chivalry: Medieval Warfare é uma boa pedida para se gastar horas e mais horas na frente de um computador, decepando cabeças e desviando de flechadas de mentira.

Um tutorial divertido? Como assim?

Como era de se esperar, por ser um jogo com foco no multiplayer online, dominar os comandos desde os primeiros momentos é algo muito necessário. Para facilitar a vida dos jogadores, Chivalry: Medieval Warfare conta com um modo tutorial que é surpreendentemente divertido.

Img_normal

Ali, você aprende como atacar, quais são os comandos, como se defender, táticas de batalha e como usar as diferentes armas de classes presentes no game. Por apresentar tudo de uma maneira descontraída, grande parte graças ao bom trabalho de dublagem dos personagens, você não fica tão perdido na hora de realmente sair para atacar seus inimigos.

Um campo de batalha realmente movimentado

Depois de aprender como atacar e se defender com eficiência, chega a hora de você escolher um lado da batalha e seguir em frente. Chivalry: Medieval Warfare não tem uma história muito complexa, apenas explicando que uma ordem maçônica dividiu uma nação, sendo que cada lado tem como objetivo governar o povo de maneira diferente.

Img_normal

Existem missões como derrotar o exército inimigo antes que ele chegue a certo ponto do mapa, outras em que piras precisam ser acesas para avisar a localização dos soldados para navios que se aproximam, e até mesmo uma arena para que eles lutem até a morte.

Em praticamente todos os cenários, é possível incluir uma quantidade considerável de jogadores, sendo que, em testes feitos com bots, até 65 soldados estavam presentes no mapa. Como você dificilmente encontrará um exército de arqueiros, as batalhas se tornam realmente interessantes, já que todo mundo sai correndo alucinadamente para derrotar os inimigos.

Img_normal

O grande número de jogadores juntos poderia significar uma queda no desempenho gráfico do jogo, mas ele consegue se manter bem, apresentando visuais bonitos e sem defeitos mesmo quando o servidor está lotado.

Treine bastante para enfrentar os inimigos

Como todo bom jogo online que se preze, Chivalry: Medieval Warfare necessita de certo tempo de treino para que você possa dominar tudo o que ele tem para oferecer. A vantagem dele é que, por permitir um grande número de jogadores no mesmo mapa e focar mais em um combate corpo a corpo, é mais fácil de você encontrar oponentes com o mesmo nível de conhecimento, podendo se divertir sem problemas.

Img_normal

O jogo conta com um sistema que cede pontos a cada morte que você causa. O acúmulo desses pontos destrava equipamentos como espadas, arcos, lanças e machados, que podem ser equipados no seu soldado. Esse tipo de coisa apenas cria mais motivos para você continuar treinando e jogando.

Torça pela boa vontade dos outros jogadores

Este tópico pesa contra Chivalry: Medieval Warfare, mas também é um mal que assola todos os jogos com multiplayer online: a comunidade. Se você consegue entrar em um servidor consideravelmente cheio, existe a chance de você encontrar jogadores que estão querendo se divertir, trabalhar em equipe e jogar o game como se deve.

Img_normal

Só que também existe uma chance enorme de você cair em um time apenas com o pior tipo de jogador que você pode encontrar na internet. Durante os testes, aconteceu de pessoas atacarem outros integrantes do mesmo time e, quando eram mortas em represália, elas tentavam expulsar as vítimas do servidor.

Por causa desse tipo de atitude, o que poderia ser um jogo extremamente divertido, acaba se tornando uma chateação. Como algumas fases precisam de muito trabalho em equipe para ser concluídas, a falta de companheirismo encontrada em alguns momentos pode irritar alguns jogadores.

80 pc
Ótimo