Dawn of Heroes
Seu Review foi enviado com sucesso.
Enquanto ele fica pendente de aprovação, dê sua nota para o jogo. Sua opinião é importante para a comunidade!

Dawn of Heroes

Avaliar este jogo
Voxel
Dawn of Heroes

Dawn of Heroes

Fazer review
Nota
da comunidade
Avaliar este jogo
Últimas atividades
Nenhum resultado

Review enviada por

Dica enviada por
Carregar Mais
Ficha Técnica
Data de lançamento 10/09/2010
Classificação Para maiores de 10 anos
Desenvolvedora Wicked Interactive
Distribuidora Majesco Entertainment
Número de jogadores 1-1
Jogo
Clique para comprar Menores preços
Sobre
Com Dawn of Heroes, a desenvolvedora Wicked Studios desembarca no DS uma equilibrada mistura entre elementos táticos e história intrincada, cujo resultado poderia ser colocado na classe dos SRPGs. Dawn of Heroes traz também mais de 50 missões possíveis, incluindo ainda diversas ramificações na forma de missões e caminhos alternativos. No total, são 25 classes pertencentes a seis facções exclusivas.

A história de Dawn of Heroes traz uma terra conhecida como Brimthule, recentemente atacada por uma besta potencialmente indestrutível conhecida como Ragnakore. Após uma longa e árdua batalha contra a besta, o rei Leroy, percebendo a ineficiência dos seus ataques, se lançou em uma última manobra desesperada: transoformou Ragnakore e a si mesmo em estátuas, na esperança de que o povo de Brimthule encontrasse uma forma de destruir definitivamente a terrível besta.

Os ataques pertencem a três tipos básicos: físicos, mágicos e aflição, sendo que cada elementos no campo de batalha será mais ou menos suscetível a um ataque específico. Por exemplo: um guardião, o brutamontes do jogo, é particularmente resistente aos ataques físicos, enquanto que um “controller” (espécie de sacerdote voo doo) é particularmente resistente a ataques de aflição.

Dawn of Heroes ainda traz um sistema exclusivo para a sua fatia RTS. Funciona da seguinte forma: para evitar que determinado personagem seja constantemente atacado até desaparecer, existem limite máximo de dois ataques por personagem. Depois disso, ele não poderá mais ser escolhido como alvo, e terá a oportunidade de se recuperar dos ataques recebidos — embora alguns personagens, como os “campeões”, fiquem de fora dessa regra.
Ver mais