Seu Review foi enviado com sucesso.
Enquanto ele fica pendente de aprovação, dê sua nota para o jogo. Sua opinião é importante para a comunidade!
Avaliar este jogo
Voxel
Diablo III: Reaper of Souls
COMUN.
95
VOXEL
Diablo III: Reaper of Souls
Avaliar este jogo
Review
Avaliar este jogo
Compre com o menor preço:

Hespéria é a nova parada obrigatória dos aventureiros em Santuário [vídeo]

Cássio W. Barbosa

O Diablo 3 que os jogadores encontram hoje no computador é bastante diferente daquele que muitos conheceram em 2012, ainda com o famigerado Erro 37. Isso porque, ao longo do tempo, a Blizzard adicionou várias novidades ao game, recompensando os fãs que se mantiveram fiéis.

A chegada de Reaper of Souls, no entanto, parece ser a maneira que a companhia encontrou para tentar reconquistar todos aqueles que abandonaram o jogo, seja por falta de tempo ou por terem se decepcionado com o seu estilo.

Para preparar o público, um patch lançado em fevereiro para o jogo principal introduziu várias mudanças significativas – todas com o intuito de deixar o jogo mais agradável. Desse modo, o novo Saque 2.0 faz com que itens mágicos e lendários sejam encontrados com mais frequência. Ao mesmo tempo, requerimentos para forjar armas e criar pedras mágicas foram simplificados, ao passo que cada classe também teve suas habilidades rebalanceadas.

Enquanto tudo isso está acessível para todos os jogadores, as novidades mais interessantes ficaram guardadas, é claro, para a expansão. Para começar, há um novo e amplo ato continuando diretamente os eventos do final da campanha principal do game. Ambientado na região da Hespéria, o novo capítulo coloca os jogadores para tentar impedir que o Anjo da Morte Malthael use as almas aprisionadas de Diablo e seus irmãos para acabar com a humanidade.

Durante a jornada para evitar o apocalipse, o jogador encontra uma grande variedade de novos ambientes – todos criados com um estilo de arte único e assombrador, que transmite perfeitamente o clima de desespero e desolação da situação. Bastante extenso, o novo ato também está repleto de novos eventos para serem descobertos, assim como novos inimigos ainda mais exigentes.

Os veteranos do jogo provavelmente vão querer explorar os novos desafios de Reaper of Souls com os seus antigos personagens, possivelmente incentivados com o aumento do level máximo para o nível 70. Apesar disso, ao criar um novo herói na expansão, os jogadores passam a contar com a opção de utilizar os cruzados – uma nova classe bastante poderosa e flexível, capaz de realizar bastante dano tanto de longe quanto de perto.

O personagem, inclusive, é uma nova opção bastante interessante para quem procura novos desafios. A variedade de ataques e habilidades diferentes do herói (como a possibilidade de poder utilizar armas de duas mãos juntamente com um escudo) fazem com que seja bastante divertido explorar as suas vantagens contra os perigos do Santuário. Ao mesmo tempo, as suas Leis (que funcionam de maneira semelhante aos Mantras dos monges) também são uma ótima adição para qualquer grupo de jogadores.

A introdução da Mística, a nova artesã da expansão, também ajuda a tornar mais fácil ser recompensado durante o jogo. Por um preço, ela pode encantar os seus itens, trocando aquele atributo indesejado por outro melhor, ou então transmogrificá-los. Isto é, mudar a sua aparência para que aquela espada ou aquele escudo combinem mais com o estilo do seu herói.

É ao completar o quinto ato do game, contudo, que a novidade mais interessante da expansão é desbloqueada. O novo modo aventura permite que os jogadores explorem qualquer região do jogo em busca de Caçadas sem precisar se preocupar em seguir a trama do game. Estas Caçadas, espalhadas por todo o mapa, oferecem aos jogadores novos desafios a cada nova partida, como vencer um determinado chefe ou completar um evento específico. Desse modo, fica ainda mais difícil que a jogatina se torne repetitiva.

Ao completar as Caçadas, os jogadores são recompensados com equipamentos e com Pedras Angulares, que podem ser utilizadas para habilitar Fendas Nefalem – portais para regiões especiais em que as regras do jogo são modificadas. Nessas novas áreas, é possível encontrar de tudo, desde monstros que normalmente não aparecem acompanhados até altares modificados com efeitos como invencibilidade temporária.

Durante a exploração, é bom se preparar para enfrentar os Guardiões da Fenda – monstros especiais com habilidades fora do comum que guardam a região e escondem ainda mais tesouros. Por conta do desafio e do alto nível de dificuldade destas áreas, as Fendas acabam se tornando um novo incentivo para se jogar acompanhado com outros jogadores. Ao mesmo tempo, o Modo Aventura também vira uma alternativa para quem estava cansado da campanha principal, uma vez que mesmo novos personagens podem desbravá-lo após o seu desbloqueio.

Ao oferecer tantas mudanças, Reaper of Souls faz com que Diablo 3 esteja mais atraente do que nunca. Ainda que alguns detalhes ainda incomodem (como a exigência de uma conexão com a internet mesmo em partidas solo), todas as novidades da expansão tornaram o jogo muito mais recompensador e divertido.

Compre com o menor preço:
95 pc
Excelente
"Com todas as mudanças apresentadas por Reaper of Souls, Diablo 3 passa a ficar mais atraente do que nunca. Chame os amigos e que comecem as caçadas!"

Pontos Positivos

  • O modo Aventura torna sessões de jogo menos repetitivas após fim da campanha
  • A adição do Cruzado apresenta aos jogadores uma das classes mais interessantes do jogo
  • A nova artesã permite reaproveitar itens, facilitando a obtenção de melhores equipamentos

Pontos Negativos

  • Uma conexão online continua sendo necessária para jogar