Crytek começa bem sua carreira com o tiro em primeira pessoa, Farcry

Com uma nova engine apresentada, feita para demonstrar todo o potencial da Geforce 3 Titanium, a desenvolvedora alemã CryTek expandiu o leque de bons shooters para PC, alcançando vendas de mais de 700 mil unidades em pouco mais de 3 meses. O título foi lançado também para Xbox e tem previsão de lançamento para o Wii.

Ilha, naufrágio e mistérios, eu já vi este filme antes...

Com uma narrativa cinematográfica - obscura, entretanto, em alguns pontos - o jogo é bem-sucedido em transmitir a sensação de se estar em um filme, em especial numa ilha repleta de perigos com ameaças desconhecidas. O protagonista é Jack Carver, um ex-fuzileiro naval que após abandonar seu posto assume a responsabilidade de escoltar secretamente uma garota, Valerie Constantine, até uma ilha no pacífico sul. O problema começa quando a embarcação é misteriosamente atacada, deixando os dois com a missão de escapar e vencer um exército hostil.

O jogo é pautado por um cenário tropical repleto de selvas, com travessias sobre rios, enormes vales, grandes quedas de água e bonitas paisagens. Acrescente à isso inimigos diversos, coordenados por uma inteligência artificial respeitável, capazes de dirigir diversos veículos, formar planos de ofensiva e aproveitar obstáculos para se protegerem de ataques.

Outro ponto positivo é o fator da ciência de sua presença para os inimigos, caracterizado pela barra de stealth (medidor da ciência da sua presença pelos inimigos), que aumenta com a quantidade de barulho feita, podendo ser amenizada ao se prender a respiração, caminhar devagar, engatinhar e ocultar-se nas sombras. Tudo isso dá um ar de tactical shooter, diferindo desses apenas pela troca desenfreada de tiros.

A quantidade de armas possíveis de serem levadas são apenas 4, o que torna o jogo mais verossímel. Ora, quem nunca se perguntou como os personagens de Doom, Quake e Unreal carregavam 10 itens, incluindo armas gigantescas? O arsenal disponível inclui muitas armas familiares aos jogadores de Counter Strike, porém, aqui a MP5 não possui a mesma qualidade do mod do Half Life portanto, evite usá-la. Por falar em mods, há uma quantidade razoável deles disponíveis na internet aumentando consideravelmente a potência do game.

No decorrer do jogo você contará com o auxílio de um cientista misterioso chamado Doyle, único aliado disponível e que te dará algumas dicas e indicará o caminho a ser seguido. Entretanto, os objetivos têm múltiplas maneiras de serem alcançados, pois o mapa dispõe de várias trilhas, todas elas com diferentes inimigos e estratégias de ataques. Um ponto irritante está no sistema de saves, que é baseado em checkpoints, que, apesar de estarem bem distribuídos no mapa, não são suficientes para evitar minutos de caminhadas inúteis após ter-se morrido rapidamente em ataque mal feito.

O sistema Multiplayer coloca à disposição três classes de personagens, cada um com seu armamento específico: Grunt, Sniper e Support Engineer. O primeiro tem capacidade de carregar rifles e metralhadoras pesadas, o segundo dispõe de uma AW50, um rifle com mira de precisão e altíssimo dano, e o terceiro é o mais rápido de todos, capaz de curar aliados e construir barricadas. O jogo nesta modalidade é mortífero, uma vez que os combatentes caem facilmente após poucos tiros, além de exigir estratégias intrincadas aproveitando o relevo e o cenário.

Crytek, uma empresa de jogos de respeito

Não obstante a engine excepcional da estreante CryTek, os cenários são muito bonitos e a folhagem densa, havendo momentos em que não é possível ver um palmo além dos olhos, o que deixa a batalha tensa e à mercê da sorte. Os últimos efeitos e algoritmos, tais como Pixel Shader e HDR lighting, poderão ser usufruídos pelos portadores do melhor hardware. Desde a água, o efeito do calor da lava no ar até a luz refletida nos objetos – tudo causa espanto e admiração, assim como exige mais RAM e uma ótima placa de vídeo.

As cenas pré estabelecidas mancham consideravelmente a qualidade geral do jogo. Desde os habituais movimentos de robô até a voz extremamente incômoda dos personagens dão um ar extremamente artificial ao game. No que cabe à trilha e demais efeitos sonoros, os mesmos estão de acordo com o esperado de um game de ação. Músicas emocionantes e dinâmicas transmitem a sensação ideal para ambientar o jogador em uma batalha tensa, uma selva silenciosa ou uma catacumba serena.

Mesmo sem novidades impressionantes, o jogo vale a pena

O jogo é altamente envolvente e possui uma jogabilidade realista, imagens arrebatadoras e um clima suficientemente forte para manter a atenção plena. O enredo não é uma obra prima mas cativa o jogador do começo ao fim.
89 pc
Ótimo