Metin 2 é um MMORPG desafiador, recheado de possibilidades e o melhor de tudo, gratuito.

A cultura do gênero MMORPG — jogos de RPG que suportam uma quantidade grande de jogadores simultâneamente através da internet — é recente no Brasil. Embora alguns fãs brasileiros tenham experimentado games do gênero já nos anos noventa, o MMORPG só foi oficialmente lançado aqui no ano 2004, quando Ragnarok foi trazido com todo o suporte necessário para que os usuários brasileiros pudessem usufruir dos serviços sem problemas.

Desde então, o gênero vêm deslanchando no Brasil; diversos games estão ganhando versões traduzidas para o português, com servidor nacional e todo o suporte técnico necessário. Ajudando na implementação da cultura do gênero em nosso país, a On Games, responsável por jogos como With Your Destiny, está lançando o oficialmente e distribuindo gratuitamente em terras brasileiras uma promessa do MMORPG: Metin 2.

Bebendo de uma boa variedade de fontes, o título traz uma fórmula que soma os elementos clássicos do gênero a outros novos, unidos a uma temática e conceito artístico inigualáveis e o melhor, gratuitamente. Metin 2 se passa na China Antiga e reproduz de forma fiel a arquitetura, figurino e armas características da mesma.

A pedra da discórdia

Metin 2 conta a história de uma terra que, há muito tempo atrás, vivia em perfeita harmonia. Entretanto, com a queda de um meteoro chamado Metin no local, tudo mudou; os animais viraram criaturas agressivas e uma doença mortal tornou-se epidemia. Para piorar a situação, as vítimas da assombração passaram a voltar à vida e causar o caos pelo continente. Com a crise que assolava o império, a divisão foi uma conseqüência inevitável. Do pacífico e próspero reino surgiram outros três — estes, por sua vez, vivem constantemente em guerra até hoje.

A queda do meteoro também desencadeou a queda de uma série de outras pedras Metin. Embora tais minérios fossem a fonte de grande parte dos problemas do local, ninguém se atrevia a aproximar-se dos mesmos, pois eles guardavam as criaturas mais temíveis dentro de si.

Cansado de ver o caos e a destruição instalados no mundo, o deus Dragão resolveu interferir, recrutando um exército para acabar com o mal que assola esse universo. Você joga na pele de um soldado de tal exército, que, ao lado dos outros milhares de jogadores, deve combater as criaturas malignas e destruir as pedras Metin.

Embora apresente um contexto interessante que argumenta o universo onde se passa, o título — como qualquer outro MMORPG — não coloca a ênfase no enredo e sim na interação entre jogadores, superação pessoal e coleção de itens, armas e dinheiro. A grande vantagem de Metin 2 é que, além de ser traduzido para a língua nativa brasileira, oferece possibilidades muito maiores de interação e conseqüentemente é mais acessível, visto que pelo menos a maior parte jogadores do servidor nacional são de fato brasileiros.

Um mundo recheado de possibilidades

Embora a edição nacional de Metin 2 ainda esteja em versão beta — ou seja, nem tudo ainda está funcionando perfeitamente — já é possível ter acesso a uma grande quantidade de opções. Obviamente ainda há alguns bugs a serem corrigidos, mas, para facilitar o trabalho de consertá-los, a On Games disponibilizou, no site oficial do jogo, um sistema de relatório de falhas e erros do game, para que os próprios usuários sejam responsáveis por sua “lapidada” final. Este esquema parece funcionar muito bem, visto que, durante o período de análise, diversos bugs notáveis foram corrigidos.

Para ter acesso ao título, você precisa fazer um cadastro no site oficial da On Game e criar login e senha. Feito isso, basta baixar o jogo e escolher entre algumas opções, como o reino do qual você fará parte, a classe e alguns aspectos da aparência de seu personagem. O game permite que você crie até três personagens diferentes e apague-os quando bem entender, oferecendo flexibilidade ao jogador indeciso quanto à classe de seu herói ou reino.

São ao todo quatro classes de personagens disponíveis: guerreiro, ninja, shura e shamã. Cada uma tem seus pontos fortes e fracos, com enfoques diferentes em um atributo ou outro. O guerreiro é mestre no combate corpo-a-corpo e no uso de armas pesadas de contato como espadas, entretanto, não é habilidoso com a magia. O ninja, por sua vez, pode se especializar em armas leves e no ataque à distância com arco e flecha. As classes shamã e shura têm em comum a ênfase nos ataques mágicos, no entanto, os shuras também são eficientes no combate à curta distância, enquanto os shamãs possuem mais habilidades de suporte.

Escolhido o herói, o jogador deve selecionar o reino no qual sua aventura vai se passar. São três impérios diferentes: Milgaard, uma nação cuja economia é fundamentada no comércio, Dendear, o primeiro dos três impérios e Listhmos, cujos habitantes são guerreiros natos.

No mundo de Metin 2 há muito o que se fazer e os menos habituados ao gênero provavelmente vão se perder no começo. Seguindo o preceito básico de qualquer RPG, o game incentiva os jogadores a investirem grande parte de seu tempo matando os animais selvagens, evoluindo seus personagens, melhorando suas habilidades e eventualmente coletando itens. No entanto, uma série de missões e aventuras são incumbidas ao jogador a cada nível que o mesmo atinge. As tarefas vão desde entregar uma carta a um guarda do outro lado da cidade até enfrentar criaturas medonhas para conseguir determinado artefato.

Mas os atrativos do jogo não se limitam às missões predefinidas. Eventualmente, você vai encontrar inimigos que dificilmente podem ser vencidos por um herói apenas. Felizmente isso não é problema em Metin 2, uma vez que as possibilidades de interação e comunicação são inúmeras; basta convidar algum outro jogador disposto a realizar a tarefa e dividir os lucros.

Jogadores com maior afinidade ou que desejem se aliar por algum motivo podem criar guildas e até comprar terras para a fundação de uma sede oficial da mesma. Entretanto, se a afinidade não for apenas em campo de batalha, é possível demonstrar a afetividade com beijos e até realizar casamento oficial!

Porém, casamento é o menor dos eventos de Metin 2. De tempos em tempos, líderes das guildas podem se candidatar ao cargo mais alto dentro de cada reinado — imperador —, que são escolhidos através de eleições; os candidatos devem apenas ter alguns pré-requisitos como possuir determinada quantia em ouro. Além disso, eventos como grandes guerras entre os impérios ou batalhas importantes são eventualmente agendados pelos Game Master (uma espécie de árbitro do servidor).

A arte do combate

Semelhante a grande parte dos MMORPGs atuais, Metin 2 apresenta um esquema de comandos e sistema de inventário e habilidades que remete ao clássico Diablo, da Blizzard, um divisor de águas quando o assunto é RPG. O controle é feito pelo mouse — o botão esquerdo faz o personagem andar e atacar, enquanto o direito é usado para a interação com outros personagens — ou através do teclado.
Para facilitar a vida do jogador durante as batalhas mais duras, poções dos mais diversos gêneros podem ser armazenadas em um espaço especial de fácil acesso, localizado na parte inferior da tela. Há teclas de atalho para a utilização desses itens, mas é possível simplesmente clicar em cima dos mesmos com o botão direito do mouse; cabe a você escolher o método que mais se encaixa ao seu estilo de jogo. Habilidades especiais como magias e comemorações também podem ser inseridas neste espaço.

Como o game oferece uma variedade de classes e opções de especialização, em Metin 2 há uma variedade boa de armas específicas a cada uma das classes. Guerreiros são comumente vistos com espadas ou lanças, por exemplo, enquanto ninjas geralmente utilizam arcos e flechas ou adagas. Os inimigos, por sua vez, variam entre lobos selvagens à soldados malignos — quais deles você tem condições de enfrentar, só o seu nível pode indicar.

A China Antiga a dois palmos dos seus olhos

Quando comparados com jogos de outros gêneros que não utilizam o serviço online como essência, os MMORPG geralmente perdem em qualidade gráfica. O grande forte do gênero, entretanto, está na aplicação do conceito artístico e na forma como o mundo virtual é disposto. Neste aspecto, Metin 2 não decepciona; apresentando construções, trajes e armas bastante peculiares e típicas da China Antiga, o game proporciona um ambiente confortável ao jogador.

Em comparação com os outros títulos do gênero, o game deixa a maior parte dos jogos freeware para trás. No entanto, ao comparados com líderes absolutos como World of Warcraft, o game deixa um pouco a desejar. Mas isso é absolutamente aceitável, visto que o serviço é totalmente gratuito.

A sonoplastia de Metin 2 é um pouco fraca; não que seja ruim, entretanto, a falta de elementos sonoros rondando o universo do jogo acaba fazendo falta no produto final. Em outras palavras, a riqueza de detalhes visuais não é correspondida devidamente com uma riqueza de sons, o que acaba tornando a música de fundo o elemento sonoro principal do game.

Infelizmente, a trilha sonora, composta por músicas genéricas que vão do thrash metal ao metal melódico, não suporta tamanha responsabilidade. O problema não está nas músicas em si, mas na repetição das mesmas; você pode escolher apenas uma música de fundo, que vai se repetir infinitamente até uma segunda ordem. Ao menos é possível incluir sua própria música em formato MP3 no repertório do game.

Balanceado


Metin2 está em fase beta, ou seja, há problemas técnicos e não há quem negue. Mas o sistema de envio de relatório de erros se mostra funcional e a On Games parece disposta a acabar até com os menores problemas que assombram seus servidores. A falta de efeitos sonoros e a trilha sonora repetitiva também são aspectos nos quais o game deixou a desejar.

O grande trunfo de Metin 2 está no suporte técnico nacional e no fato de estar completamente traduzido para o português, facilitando o acesso do usuário brasileiro. Um título com edição nacional que já havia se mostrado interessante por conta de seu conceito artístico diferenciado e das possibilidades que oferecia em sua versão estrangeira é definitivamente algo para ficar de olho. Além do mais, é gratuito!
75 pc
Bom