Seu Review foi enviado com sucesso.
Enquanto ele fica pendente de aprovação, dê sua nota para o jogo. Sua opinião é importante para a comunidade!
Avaliar este jogo
Voxel
Mortal Kombat XL
COMUN.
89
VOXEL
Mortal Kombat XL
Avaliar este jogo
Review
Avaliar este jogo
Compre com o menor preço:

Nunca tivemos um momento tão bom para jogar Mortal Kombat X

Vinicius Karasinski

Quando Mortal Kombat X chegou ao mercado, o pensamento de muita gente foi o mesmo: “Vou esperar sair a versão definitiva para comprar”. Isso pode ser justificável por muitas coisas: games saem incompletos, com falhas, bugs e diversos problemas. Esse não foi o caso de Mortal Kombat X, que chegou relativamente “saudável” no dia do lançamento oficial. O que vieram depois foram pacotes de atualização com novos personagens e perfumarias extras totalmente opcionais para o seu funcionamento.

E aqui estamos com ele, Mortal Kombat XL, o jogo que reúne o conteúdo do game original, lançado há cerca de um ano, dois pacotes de lutadores, que totalizam nove personagens jogáveis a mais (incluindo Goro), e um monte de novas skins. MKXL traz até mesmo as versões “abrasileiradas” de alguns lutadores.

Como já citado no início, é preciso ser justo: Mortal Kombat X chegou ao mercado ano passado bem redondinho e com muito conteúdo: veio com um modo história completo, a Krypta — onde você gasta suas recompensas e desbloqueia conteúdos extras — e um caminhão de modos de jogo single player e multiplayer online. É claro que o título não estava livre de problemas, mas, diferentemente de outros lançamentos, não era preciso esperar uma “versão definitiva” para se divertir.

Que fique claro que estou desconsiderando a bagunça que foi a versão PC do jogo e tratando apenas da versão lançada para os consoles. A versão para computadores teve tantos problemas que foi abandonada pela Warner sem dar explicações para os jogadores. O PC não terá Kombat Pack 2 e possivelmente não receberá um novo netcode.

Quem tem o game original precisará comprar MKXL?

Mortal Kombat XL só é recomendado para quem ainda não tem o original ou para quem ainda não comprou nenhum dos itens adicionais e deseja ter acesso aos novos lutadores. Quem quiser continuar jogando com os personagens originais não terá nenhum problema de compatibilidade.

Além de trazer os conteúdos já lançados, o game também chega com uma novidade interessante no online. Quem jogou desde o início sabe que o netcode original funcionava, mas tinha vários problemas de estabilidade, o que prejudicava a jogabilidade. A nova versão foi completamente reformulada, trazendo resultados muito satisfatórios.

O novo netcode é baseado no GGPO, modelo utilizado em diversos outros games de luta, como Street Fighter III - Third Strike e Street Fighter V. Mas calma que eu vou explicar a diferença entre os dois modelos.

O netcode original (chamado de Dynamic Input Latency) funcionava assim: para que um golpe fosse executado pelo lutador, era preciso que as duas instâncias de jogo confirmassem a informação, ou seja, ao pressionar um botão de soco, o comando só era realmente executado quando essa informação retornava. Em conexões perfeitas isso funciona muito bem. Contudo, o mundo real sofre de problemas de instabilidade nas conexões, o que deixava algumas lutas muito lagadas.

O novo modo tenta simular um sistema offline de jogo, ou seja, assim que você aperta o botão, o golpe é disparado, mesmo que a instância de jogo do oponente ainda não tenha recebido o comando. Isso pode render alguns problemas bizarros, como o “teleporte” de lutadores caso aconteçam problemas de estabilidade na conexão. Porém, mostra-se mais eficiente em um jogo de luta em que a precisão dos comandos é primordial.

E não dá para negar que o online melhorou muito depois do novo sistema. Tendo jogado centenas de partidas desde o lançamento do game original, posso afirmar que agora está bem mais divertido jogar online.

Novos kombatentes para meter medo na galera

Mortal Kombat XL traz quatro novos lutadores para a arena (sete, se considerarmos que Triborg vale por quatro). Bo' Rai Cho é um mestre em artes marciais do Outworld que treinou Kung Lao e muitos outros lutadores do universo de MK. Ele retorna depois de passar um tempo afastado da franquia.

Alien é o alienígena xenomorfo saído dos filmes de terror de mesmo nome, assim como Leatherface, personagem que veio direto da série O Massacre da Serra Elétrica.

O último é Triborg, personagem que representa os quatro ciborgues dos games anteriores: Sektor, Cyrax, Smoke e Cyber Sub-Zero. Cada postura de luta significa um lutador diferente, o que faz desse o personagem mais versátil do game, pois cada uma das variações muda completamente o estilo de jogo.

Os golpes são totalmente característicos dos personagens: quando Leatherface ataca, ele berra, grita e sacode a motosserra exatamente como nos filmes. Chega a ser perturbador ver o lutador atacando os inimigos da mesma forma que ataca suas vítimas nos filmes.

O destaque de Alien fica por conta de seu Brutality: quem viu os filmes sabe que o monstro cria “híbridos” com espécies de vida diferentes. Em seu golpe final, cada um dos monstros gerados tem a cara da vítima. São filhotes com barba, congelantes, com chapéu e até mesmo com a máscara de Jason. Assustadoramente divertido.

Cenários com surpresa e novidades na dublagem

Quem também retorna é o The Pit, o famoso cenário da “ponte” de onde você pode jogar o inimigo depois da luta. Os Stage Fatalities também estão de volta, incluindo o já citado e vários outros. Funciona como nos jogos anteriores: é só realizar a sequência de botões na hora certa.

Uma das polêmicas envolvendo o lançamento de Mortal Kombat X no Brasil foi a escolha dos dubladores. De uma dubladora, mais especificamente: a cantora Pity foi responsável por dar voz à personagem Cassie Cage. A falta de experiência em dublagem da artista resultou em um trabalho de péssima qualidade, principalmente se comparado com outros lutadores do jogo que vieram com vozes de dubladores profissionais.

Mortal Kombat XL traz uma nova voz para a lutadora, mas apenas quando ela conversa com os novos kombatentes. O restante das falas (incluindo o modo história) continua como antes, infelizmente. Procuramos a Warner para saber o motivo das duas vozes dentro do jogo e, segundo a empresa, houve conflito de agendas entre o estúdio de gravação e a cantora Pity.

Contudo, é unânime o sentimento de que deveriam ter aproveitado a oportunidade para refazer todas as linhas de diálogo de Cassie Cage e eliminar completamente a anterior.

Vale a pena?

Esse é o melhor momento para se jogar Mortal Kombat X. Com a versão XL, o game recebe finalmente sua versão definitiva, garantindo que não teremos mais pacotes de atualização com novos lutadores. Além disso, o game tem um caminhão de conteúdo tanto para quem joga sozinho, apenas para “fazer final”, quanto para quem joga online.

O novo netcode ainda tem espaço para melhorar, mas já demonstra uma baita evolução em relação ao anterior. Ficando faltando apenas um Cross-Play entre PS4 e Xbox One para ficar perfeito – mas aí também já é pedir demais.

Quem já possui o jogo pode deixar de lado a versão XL que não terá problemas para continuar jogando, e isso certamente é um alívio para quem pensava que iriam ser dois jogos diferentes. Além disso, o novo netcode chegou como atualização gratuita para os jogadores de MKX, não sendo exclusivo de MKXL.

Mortal Kombat XL pega o que já era um jogo muito bom, consegue aparar as arestas e corrigir pequenos problemas que incomodavam desde o lançamento, incluindo a falta de Stage Fatalities e até o equilíbrio entre alguns lutadores.

A recomendação de compra vai para quem ainda não tem o game original, já que é possível comprar somente o “pacote de atualização XL” para MKX ou os pacotes de lutadores separadamente. Quem tem o original, nunca comprou nenhum conteúdo extra e não se importa com os novos lutadores pode deixar a expansão de lado, já que o novo netcode virá de qualquer forma.

Quem esperou para comprar a versão definitiva do game pode aproveitar a oportunidade sem medo: agora é o melhor momento para jogar Mortal Kombat X desde o lançamento do jogo. 

Compre com o menor preço:
89 ps4
Ótimo
"A versão definitiva vem com um sistema online revigorado e um caminhão de conteúdo. Agora é sem dúvidas a melhor hora para se jogar Mortal Kombat X."

Pontos Positivos

  • Novo netcode deixa o jogo mais dinâmico e funcional em partidas online
  • Novos personagens interessantes e variados
  • Novos golpes e cenários estimulam a continuar jogando
  • Pacote de skin do Brasil já vem incluído
  • Modo história continua cliché, mas ainda é bem divertido
  • Os personagens que vieram dos filmes de terror são muito fiéis aos originais
  • Brutalities mais criativos que nunca, especialmente no caso do Alien

Pontos Negativos

  • Dublagem da Pity ainda está no jogo
  • Não terá versão para PC
  • Jason morre depois de um simples fatality

Outras Plataformas

89 xbox-one