Você se lembra de uma área que inauguramos no TecMundo Games chamada de Jogo Rápido? A premissa desse novo tipo de review é abranger mais lançamentos do nosso querido universo gamer, mas que, por conta da enxurrada de novidades e outros jogos muito grandes no caminho, acabam ofuscados ou sem oportunidade de aparecer por aqui. Portanto, a ideia é trazê-los para cá, mas com textos reduzidos.

Então essa análise começará de forma diferente e vamos explicar melhor a situação. Para que as matérias postadas como Jogo Rápido não se percam no histórico do site, decidimos colocá-las aqui mesmo, no campo de análises, para que qualquer um possa acessar com facilidade na hora que quiser.

Caso você não se lembre, o modelo consiste em trazer textos mais curtos e condensados, mas nada que signifique qualidade inferior, apenas uma crítica mais concisa e uma aposta em um formato diferente. Caso queira conhecer todos os critérios, basta clicar aqui.

Neste instante, vamos falar sobre o jogo que entrará aqui: Patapon Remastered. Apesar de ser famoso em um certo nicho, existe a possibilidade de que você não conheça o game ou que só tenha ouvido falar sobre ele. Lançado inicialmente no PSP, a ideia é usar mecânicas de ritmo e música para um objetivo diferente: orientar uma tribo caricata e cartunesca para caçar, derrotar os inimigos e encontrar um lugar melhor no mundo. Agora, ele chega remasterizado ao PS4. Mas será que vale a pena?

Confira o nosso novo Jogo Rápido:

...

Patapon é um jogo atípico e leve. Em 2008 e em uma plataforma móvel como o PSP, a ideia era brilhante e inovadora. Em 2017 e em um console de mesa como o PS4? Nem tanto. Mas esse “problema” é, além de subjetivo, o menor dos males dessa remasterização. Patapon continua a passar um sentimento de originalidade e criatividade que vemos pouco hoje em dia. Tocar os tambores com os botões do controle no ritmo certo para fazer a tribo se locomover, atacar, defender, criar chuva e muito mais ainda é divertido – e continuará sendo mesmo que você já tenha jogado na época do PSP.

É legal voltar a se surpreender com algumas mecânicas que há tempos havíamos esquecidos, como a possibilidade de criar novas tropas, repetir missões para coletar mais “dinheiro”, materiais e equipamentos, usar poderes especiais nas lutas e até mesmo alguns mini games bacanas. Patapon é um título que, apesar de simples, traz camadas de jogabilidade mais profundas em alguns momentos, mesmo que em escala reduzida.

Apesar de não ser um jogo grande para um console de mesa, o preço menor até justifica a compra. Os maiores problemas são outros: certamente, essa remasterização não é a melhor que você vai ver por aí. Nem tudo está em 1080p e há muito conteúdo em baixa qualidade e que vem direto do PSP, quase sem tratamento (principalmente no começo do jogo), e isso engloba a parte sonora também, tanto no quesito qualidade – o som parece aquém do padrão ideal – quanto mecanicamente, pois há um certo input lag que incomoda de vez em quando e muitos jogadores reportaram esse problema. Por US$ 15 ou R$ 45,90, talvez valha a pena para os fãs mais fervorosos; se for apenas por curiosidade, talvez seja melhor esperar uma promoção.