Um lendário combate retorna aos games.

Em 1999 um jogo que determinaria como seriam os próximos títulos do gênero de luta em três dimensões chegava ao Dreamcast. O foco no combate com armas, os gráficos estonteantes para a época e a jogabilidade extremamente agradável fez com que o game fosse muito bem recebido pela critica mundial. Nascia uma lenda chamada SoulCalibur.

Gerava-se também um novo recurso que seria utilizado em praticamente todos os jogos de luta em três dimensões posteriores a SoulCalibur. Denominado Eight-Way Run, o estreante sistema revolucionou o gênero, pois permitia que jogadores utilizassem movimentos laterais para se esgueirarem do oponente. A expansão dos horizontes em games do gênero criou uma nova gama de possibilidades aos jogadores.

SoulCalibur logo se tornaria um dos títulos mais vendidos para Dreamcast, e atualmente é classificado pela crítica especializada como um dos 10 melhores jogos de todos os tempos. O sucesso deu início a uma nova franquia, a qual recebeu muitos herdeiros. Seus subseqüentes praticamente mantinham a mesma base estrutural, diferenciados apenas por alguns retoques e aprimoramentos.

Uma das novidades marcantes dos descendentes é a adição de personagens não relacionados à franquia SoulCalibur. Spawn, famoso personagem de quadrinhos; Link, da série Legend of Zelda e Heihachi Mishima, referente ao game Tekken, marcavam presença em SoulCalibur 2, sendo cada um deles exclusivo em cada uma das plataformas — Xbox, Gamecube e PlayStation 2, respectivamente.

Anos após o lançamento do último jogo relacionado à franquia, um novo SoulCalibur é finalmente anunciado. Expectativas inevitavelmente são geradas, devido ao grande sucesso atribuído ao nome. Novamente sob responsabilidade da Namco, o quarto jogo da franquia aterrissa nas plataformas PlayStation 3 e Xbox 360, suscitando um dos melhores jogos de luta da nova geração.
 

A nova geração

SoulCalibur IV, título atribuído ao jogo, atinge com eficiência o limite dos games relacionados ao gênero de luta, entretanto, com poucas inovações — ao contrário do que ocorreu no primeiro título da série. A fórmula e os personagens agradarão aos fãs de carteirinha da revolucionária franquia, que agora se encontra lapidada e mais bela do que nunca.

Na atual versão também ocorrem os chamados crossovers — mixagem de personagens pertencentes a franquias diferentes. Desta vez, personagens do universo Star Wars marcam presença no jogo, com Yoda sendo um personagem exclusivo para Xbox 360 e Darth Vader aparecendo somente na versão para PlayStation 3 — ao menos até o momento. The Apprentice, o aprendiz do Lorde Sith Darth Vader, dá às caras em ambas as versões.
 
A batalha continua!
 
Além disso, a possibilidade de enfrentar lutadores do mundo todo, através de combates online, realmente esquenta a alma dos jogadores. SoulCalibur IV oferece também um robusto sistema de criação de lutadores, com inúmeras opções concepção, limitadas quase que apenas pela imaginação do jogador. Os lutadores personalizados também podem combater no modo online, o que permite lutas contra infinitos adversários.

Contudo, o que SoulCalibur tem a oferecer para um só jogador são apenas lutas com pouco contexto na trama do game, através de uma fórmula condecorada por muitos jogadores. Não espere por grandes novidades, mas sim pelo grandioso SoulCalibur apresentando-se como um dos melhores títulos do gênero na atualidade.

Por trás de todo conflito

Sim, SoulCalibur IV possui uma história. Estima-se que o período vivido pelos protagonistas abrange o século XVI, no qual um eterno conflito entre duas forças paira sobre o universo. Assim como em seus antecessores, a história passa batida, servindo apenas como plano de fundo para toda a pancadaria. Em jogo, as informações sobre cada personagem são escassas, limitando-se ao texto de introdução, à apresentação final e a outras pequenas informações adicionais.
A eterna luta entre o bem e o mal.
 Caso o jogador queira se aprofundar ainda mais no universo SoulCalibur, é possível explorar um modo intitulado Museum. Neste, o jogador pode navegar por uma grade que demonstra a ligação histórica de cada personagem presente em SoulCalibur IV, consultando diversos fatos relacionados ao universo que abrange o jogo. Além disso, o modo Museum também oferece vários extras, como ilustrações artísticas e uma coleção com várias cut-scenes do jogo. Um prato cheio para fãs de carteirinha da série.

Galera conhecida em muitas galáxias!

Outro fator que com certeza agradará aos entusiastas da franquia é a quantidade de personagens disponíveis em jogo. Mais de 30 lutadores infestam a lista de seleção inicial e outras dezenas ainda podem ser desbloqueados por meio de vitórias nos modos Story e Arcade. O ouro, que é adquirido através de combates, também é utilizado para comprar novas e conhecidas faces na grade de seleção de lutadores.

Nightmare, Ivy, Taki e vários outros personagens característicos de SoulCalibur estão entre os diversos lutadores disponíveis. Além das estrelas da franquia, temos também, como citados anteriormente, Darth Vader — personagem exclusivo da versão para PlayStation 3 — e The Apprentice, o protagonista do game Star Wars: The Force Unleashed que também aparece na versão para Xbox 360.
 
Muitos personagens conhecidos estão em SoulCalibur IV.

O  Lorde Sith, Darth Vader, é um dos pontos bacanas de SoulCalibur IV. Seu desempenho é mediano: não há abuso da Força ou golpes que menosprezam as habilidades de meros guerreiros. Vader encaixa-se perfeitamente no patamar dos outros lutadores, tornando-se um desafiante equivalente aos demais personagens. O interessante é poder controlar uma das figuras mais conhecidas do universo cinematográfico e aplicar golpes os quais nunca imaginaríamos sermos capazes de desferir.

Star Wars? SoulCalibur?

Vader demonstra o lado negro da Força. Você deve estar se perguntando: Como Vader foi parar no universo de SoulCalibur? Segundo explicações do próprio jogo, Vader surge misteriosamente no ambiente dos guerreiros em busca das duas lendárias espadas, Soul Edge e Soul Calibur, responsáveis por conter uma grande quantia de poder.

O objetivo do Lorde Sith é adquiri-las, retornar ao Império e dominar toda a galáxia com a ajuda do poder provido pelas lâminas misteriosas. Seu aprendiz surge de maneira similar em game, entretanto, ao terminar a aventura, sua história arremata-se em uma incógnita, a qual só será esclarecida em Star Wars: The Force Unleashed.

Nos combates, The Apprentice conta com um arsenal de ataques um pouco mais avantajados que os de seu mestre Darth Vader. Os golpes do aprendiz são ágeis e o abuso constante da Força fornece muitas vantagens ao lutador intergaláctico. Vader e The Apprentice habitam o game sem muitas explicações convincentes, mas fornecem muita diversão a SoulCalibur IV.

Pancadaria curta para quem está sozinho

Entretanto, um dos fatores que atenua a diversão proposta pela participação especial dos personagens do universo Star Wars é o modo Story. Neste modo você escolhe um dos diversos lutadores e embarca em uma aventura supostamente histórica e repleta de combates.

Cuidado para não piscar os olhos... Algumas adições, como a companhia de outros lutadores, não são suficientes para que o jogador desfrute do modo Story. Além disso, a trama é confusa e o tempo necessário para completar os 5 níveis que envolvem o modo não ultrapassa a marca dos 40 minutos.

Outro modo disponível para um só jogador é a opção Arcade. Esta também não se consolida como o pilar principal do jogo, mas acaba sendo menos curta e mais intrigante que a modalidade principal. Ao contrário do Story Mode, a opção dissimula-se de maneira linear, sem esclarecimentos e com mais tempo de jogo. Alguns personagens só podem ser desbloqueados através desta modalidade.

A difícil ascensão ao topo

Em compensação, temos o novo e divertido modo Tower of Lost Souls. Similar ao clássico Survival Mode, a nova opção incide em completar vários desafios subdivididos em modalidades nas quais o jogador ascende ou descende pela torre. Caso opte por subir, você terá de derrotar vários inimigos em cada um dos andares e, a cada vitória, partir para o próximo piso. O desígnio é chegar ao topo do edifício.

Objetivos específicos regam a modalidade com pequenos desafios para a obtenção de itens. Derrotar todos os oponentes eliminando-os do ringue, contra-atacar várias vezes sem interrupções ou aplicar golpes certeiros no tempo determinado faz com que o jogador consiga novos utensílios.

Além disso, algumas das batalhas também recompensam o jogador com o desbloqueio de novos equipamentos que são disponibilizados no modo de criação de personagens. Ao terminar com sucesso o modo Ascend, no qual o jogador luta até o topo da torre, a opção Descend se torna disponível.
 
O modo Tower of Lost Souls é um dos mais divertidos.
 
As condições da opção desbloqueada são similares, entretanto, a seleção de dois personagens permite que um dos lutadores descanse em plano de fundo enquanto o outro encara a briga. Ambos os modos remetem várias horas adicionais de jogo, abastecendo razoavelmente o pouco tempo de jogo proposto para quem está jogando sozinho.

Mesmo com a variedade de modalidades para um só jogador, SoulCalibur IV deixa de propor uma boa quantia de diversão em lutas. Jogadores terão de apelar para recursos alternativos, como a personalização de lutadores, quando se encontram sozinhos. Isto é uma pena, mas o foco em partidas multiplayer é extremamente comum em jogos do gênero.

Combates cara-a-cara!

Felizmente, a opção para dois jogadores complementa quase que infinitamente o tempo de jogo em SoulCalibur IV. A opção Versus é básica e direta: lute contra um amigo ou lutador controlado pelo computador. Sem quaisquer adiamentos. Ou seja, caso queira apenas lutar, sem compromisso em ter de iniciar um evento como Story ou Arcade Mode, a opção supre eficientemente esta necessidade. Desafios entre amigos, ou inimigos, tChegou a hora de provar quem é o melhor! ambém são bem-vindos em uma das modalidades mais aprazíveis do game.

O inédito sistema de combates online é a lâmina mais afiada de SoulCalibur IV. Esta é a primeira vez que um dos jogos da série recebe tal recurso. Via PlayStation Network, o jogador conflita em partidas ligadas ou não a um ranking. Mesmo com poucas opções de jogo, disputar brigas ao redor do mundo cria certo ar de rivalidade, no qual jogadores têm de provar suas habilidades uns contra outros.

As modalidades Arcade e Special envolvem o novo recurso. Caso opte pela primeira você enfrentará lutadores em partidas desprovidas de habilidades especiais, adicionais referentes a vestimentas e itens específicos. Já em Special, as lutas contam com todos os recursos citados. Um modo com vários lutadores no estilo tag-team, como ocorre na modalidade Tower of Lost Souls, não se encontra disponível em disputas online, outro fator que seria muito bem-vindo.

Encurralado

A adição do sistema Soul Gauge é um dos fatores que altera na jogabilidade de SoulCalibur IV. O novo recurso previne que jogadores encurralados permaneçam defendendo-se por um longo período de tempo. Agora, caso isto aconteça, uma esfera apresentada ao lado da barra de energia do lutador altera-se entre as cores verde, amarelo e vermelho. Na primeira das cores, o lutador pode se defender sem qualquer receio.

Entretanto, ao repetir demasiadamente a ação sem desferir qualquer golpe ao inimigo, a esfera passa gradualmente da cor verde à vermelha. Alcançando tal estado que representa o perigo, o defensor aciona automaticamente o sistema Soul Breaker. Caso isto aconteça, o jogador ficará vulnerável a todos os ataques inimigos.
 
Finish Her!

O atacante pode aproveitar-se da situação e aplicar um novo golpe chamado Critical Finish. Ao aplicá-lo, o jogador desfere um golpe extremamente potente, exibido em cut-scenes características para cada lutador, que determina a vitória do agressor. Similar ao conhecido Fatality da série Mortal Kombat, mas significativamente menos brutal.

Felizmente, tal sistema só pode ser aplicado raramente, pois adquirir todas as condições necessárias é quase impossível em batalhas comuns. Isso faz com que a ação sirva mais como um enfeite em SoulCalibur IV e não como um recurso que pode ser usado constantemente.

Bordoadas para todos os lados!

Em geral, a jogabilidade de SoulCalibur IV remanesce da fórmula construída por seus antecessores. A possibilidade de derrubar o jogador para fora da maioria dos ringues e a variedade de combinações de golpes se mantêm preservadas. Novos jogadores não terão dificuldades em se acostumar com o título.

A velha e conhecida técnica dos jogos de luta também pode ser usada em SoulCalibur IV. Apertar vários botões repetidamente fará com que o jogador, muitas vezes, se consolide como vitorioso. Infelizmente, o jogo não possui combinações muito longas, fato que representa alguns combates desonestos entre jogadores habilidosos e jogadores casuais.
Nossa! Como eu fiz isso?
O tempo de aprendizagem é curto, já que a maioria das combinações consiste em comandos curtos e simples de serem executados. O segredo das lutas é adquirir o ritmo certo para atacar, defender-se e contra-atacar. Um exemplo disso é a vantagem proporcionada pelos golpes de arremesso, que quando aplicados com eficiência, podem influenciar significativamente nas lutas.

Aproveitar-se das oportunidades disponibilizadas pelo ambiente também é uma boa técnica para liquidar inimigos brutamontes. Não se deixe intimidar por armaduras aparentemente indestrutíveis ou vestimentas rígidas, agora, a maioria de suas partes podem ser quebradas através de golpes.

Detalhes reluzentes

Ao acertar repetidamente quaisquer dos três pontos principais, cabeça, torso e pernas, a armadura responsável por proteger tal região é estilhaçada, diminuindo a quantia de defesa do oponente. Entretanto, fora a mudança em aspectos visuais, a ausência de proteção quase não altera a experiência em jogo.
Repare na beleza do ambiente.
Visualmente, SoulCalibur IV não conta com golpes baixos, mesmo sendo extremamente apelativo. Os personagens são extremamente bem desenhados, em estilo similar à arte Mangá, com texturas altamente definidas. Com exceção de alguns borrões presentes em alguns personagens e serrilhados mínimos espalhados pelo ambiente, o jogo pode ser julgado como um dos títulos mais belos da nova geração.

O ambiente transcende beleza. Árvores, geleiras, oceanos e até animais compõem um plano de fundo repleto de exuberância em qualidade gráfica. Como de costume na franquia, a cena de introdução de SoulCalibur IV é emocionante, representando todo o potencial do game.

Para acompanhar toda a beleza visual, existe uma trilha sonora orquestrada que chega a ser exagerada, mas que consegue se encaixar ao clima épico do título. Entretanto, a decepção é gritante nos diálogos, os quais não possuem uma dublagem digna.
 
Além disso, as cut-scenes envolvendo falas, apresentadas em game, se repetem e não são completamente coerentes com a trama. O famoso narrador de SoulCalibur mantém seus comentários sensacionalistas e quase cômicos, descrevendo a maioria dos eventos percorridos pelo lutador.

Lute como quiser

O golpe certeiro de SoulCalibur IV é a personalização de lutadores. A equipe do Baixaki Jogos passou horas e horas explorando o riquíssimo sistema de criação de personagens. Além de poder alterar o visual de lutadores existentes, incluindo seus equipamentos, armas, habilidades e estilo de cabelo (não é possível alterar recursos característicos como cor de pele e estatura), também é possível criar seu próprio novo lutador.

Ao criar um novo jogador, você deverá escolher um dos estilos de luta disponíveis entre os personagens principais do game. Também é possível adicionar várias habilidades, que variam desde imunidade a arremessos até invisibilidade temporária do lutador. Para isso, devem-se obter pontos em combates no modo single player. Uma espécie de “nível de estilo” libera o acesso a opções adicionais de habilidade. Quanto mais se joga, mais equipamentos são desbloqueados.
 
Vários equipamentos podem ser utilizados pelo seu lutador.

Mesmo contendo uma aparência esquisita, seu lutador poderá contar com recursos extremamente úteis, que o protegerão de determinados golpes. Algumas peças de vestimenta possuem opções adicionais que fornecem vantagens e desvantagens ao jogador.

Um novo desafiante

Se você é um jogador fanático por games de luta, então não deixe de jogar SoulCalibur IV. Fãs da série irão se deliciar com a imensa variedade de personagens e se sentirão familiares com os lutadores já conhecidos. A nova função que possibilita combates online irá esquentar a alma tanto de jogadores hardcores quanto dos novatos na série.

Tudo em cima em SoulCalibur IV. A diversão em single player não chega ao nível das lutas entre amigos, mas mesmo assim cumpre o papel proposto pelo jogo. Destaque para o incrível sistema de criação de personagens, o qual oferece horas e horas de jogo adicional.

Mesmo sem inovar, SoulCalibur IV pode ser julgado como o melhor jogo do gênero na atualidade. Jogadores casuais não terão problemas em aplicar dezenas de combinações aleatórias enquanto lutadores de carteirinha defendem-se e abusam das técnicas aprimoradas.

Os visuais deslumbrantes são um dos pilares que consolidam uma das franquias mais respeitadas de todos os tempos na atual geração. SoulCalibur IV é com certeza um grande game, principalmente para quem já está acostumado com a série, e a aprovação vem com o fato do jogo já ter vendido mais de 2 milhões de unidades em duas semanas!
 
Qualidade que já remete bons resultados!
81 ps3
Ótimo