Pegue sua melhor arma e vá à luta! [vídeo]

Videoanálise

SoulCalibur é uma das franquias de luta mais famosas no mundo dos games, assim como Street Fighter, Tekken ou Mortal Kombat. O grande diferencial da série sempre esteve no constante uso de armas nos combates e na história do jogo. Isso mesmo, SoulCalibur possui um enredo que é contínuo e que está presente em praticamente todos os títulos.

Os eventos sempre giram em torno da batalha entre duas espadas gigantes: a demoníaca SoulEdge, que traz maldade ao mundo, e a SoulCalibur — que só pode ser empunhada pelo guerreiro escolhido. Nessa mesma linha de acontecimentos, a Project Soul lançou SoulCalibur V para a sétima geração de consoles.

Logo de cara já é possível afirmar que esse novo título é muito superior aos outros games da série, mas será que vale a pena a aquisição? Vamos ao que interessa.

SoulCalibur V é um belo jogo. A jogabilidade foi totalmente retrabalhada, os gráficos são muito refinados e os cenários são condizentes com o todo. Os novos personagens são extremamente carismáticos e a variação dos estilos de jogabilidade propõe ótimos desafios.

Mas nenhum desafio é melhor do que o modo online. Criar seu próprio personagem e se aventurar no estranho universo de jogadores reais ainda é a melhor pedida. O título é bom, vale a pena, mas está longe de ser perfeito.

SoulCalibur V foi gentilmente cedido pelo Compare Games.

Modo história aperfeiçoado

SoulCalibur V continua com a batalhas das espadas, porém com uma configuração nova e um enredo de verdade. No modo historia você assumirá o papel de Patroklos, o escolhido da espada “do bem”. Os capítulos são curtos e apresentam um pouquinho do enredo antes do personagem ser direcionado a uma luta.

Img_normal

No decorrer dos fatos, você descobre várias relações entre os personagens e fica por dentro do que aconteceu dessa vez que fez a SoulEdge retornar ao mundo para confrontar sua arqui rival. Esse modo é desvinculado do modo arcade, ou seja, em outra modalidade você poderá enfrentar seis guerreiros na sequência, sem ter que ficar lendo laudas de “blah blah blah” ou escolher caminhos.

Insieme per la Vittoria!

Um dos maiores atrativos e pontos principais de SoulCalibur V são os próprios personagens. Como esse game se passa “17 anos após” o anterior, há vários novos lutadores. Muitos deles, na realidade, são muito semelhantes a alguns antigos, principalmente no quesito jogabilidade, o que proporciona uma sensação de familiaridade com a novidade.

O personagem mais ilustre convidado é Ezio, o astro de Assassin's Creed. O assassino italiano tem uma jogabilidade muito equilibrada, com golpes e ações semelhantes aos demais concorrentes. Nos games anteriores, os “convidados de honra” eram um tanto desequilibrados, tornando injusta a luta com os personagens normais.

Lapidando o visual

A Project Soul não economizou nos retoques, detalhes e acabamentos. SoulCalibur V é um dos mais belos games de luta já feitos até hoje, tanto pela definição dos lutadores, quanto pelos belos cenários. Estes, acabam por sofrer modificações no segundo round de algumas lutas, o que torna a paisagem mais bela ainda.

Porrada desmedida

Img_normal

A jogabilidade de Soul Calibur V melhorou muito em relação aos games originais. Claro que a desenvolvedora alterou a proposta de lutas tridimensionais para uma ação mais bidimensional — algo entre Mortal Kombat e Street Fighter IV. Por essa razão, o game conseguiu atingir níveis mais altos de combate mais frenéticos, com elementos que tornam as lutas mais rápidas.

Um dos principais atrativos do gameplay foi a volta do sistema de danos críticos (presente no antigo SoulEdge). Essa novidade consiste nos ataques normais, só que com um "boost" de poder. Para aplicá-los é necessário o uso de um quarto da barra de gauge.

Para aumentar o esbanjamento de energia, ainda há os golpes especiais. Estes são realizados fazendo o mesmo comando no controle para todos os lutadores e necessitam de uma barra inteira de gauge.

Faça-se o clone

Não há SoulCalibur sem modo de criação de personagens e o deste game é, sem dúvidas, o melhor que há em toda a série. A variedade de itens e possibilidades é enorme, e os gamers habilitar e desbloquear mais itens a medida que jogam as lutas rápidas. Esse modo de criação está diretamente relacionado ao próximo item:

Modo online

Sem menosprezar nenhum ponto positivo acima, a melhor parte de SoulCalibur é, definitivamente, a jogabilidade online. Nela você pode colocar seu próprio personagem contra outras pessoas ao redor do mundo ou mesmo assistir algumas lutas enquanto aguarda sua vez de jogar.

Mas ainda é história para boi dormir

Um game de luta com história é praticamente uma raridade. SoulCalibur tem um modo história interessante, com uma continuidade quase única nos títulos do gênero. Mas, infelizmente, isso ainda não quer dizer que a Project Soul conseguiu fazer um enredo bom.

Img_normal

Os acontecimentos se desenrolam de maneira vaga, com animações semi-estáticas vocalizadas e o enredo propriamente dito só consegue prender a atenção por pouco tempo. A história de cavaleiro medieval que luta pura e simplesmente por amor já deu o que tinha que dar.

Barra devagar

Uma das grandes novidades do game é a volta dos acertos críticos e os golpes especiais. Porém, para executar a grande maioria dos golpes é necessário utilizar alguma porcentagem de uma barra de gauge. Esse medidor vai acumulando de acordo com os golpes que você executa durante a luta...

Img_normal

Entretanto, a barra carrega muito devagar! Isso desfavorece o uso dos golpes especiais e limita um pouco a jogabilidade livre.

Como fazer?

Há um modo treino no meu principal do game. Porém, um tutorial mais bem aperfeiçoado seria muito bem vindo para quem não é um jogador antigo da série. Os golpes medianos são fáceis de pegar, porém, as sequências e os combos maiores (e mais úteis) acabam tendo que ser aprendidos com a prática e sorte.

Um modo desafio ou algum tipo de tutorial, no qual os gamers fossem aprendendo as especificidades de cada lutador fora das lutas, seria muito bem vindo.

80 ps3
Ótimo

Outras Plataformas

80 xbox-360