Uma briga quente apenas para quem conhece os irmãos Bogard

The King of Fighters é um nome que está entre os favoritos na lista de jogos de luta extremamente competitivos. Embora a sua mais recente edição, nomeada The King of Fighters XII, tenha desapontado grande parte dos fãs, a SNK mostrou que ainda não desistiu deste clássico.

Com isso, a companhia nos oferece mais um título: The King of FIghters XIII. E, definitivamente, agora sim temos um jogo ideal para quem é fã. Os velhos tempos estão de volta, e KOF XIII oferece uma jogabilidade consolidada reforçada pelas maravilhas da atual geração. É o bom e velho KOF, mas com modo online (desta vez decente) e outras opções de jogo. Um título ideal para quem já conhece a franquia e também para aqueles que querem se tornar jogadores hardcores no gênero de luta, mas nem tão indicado para os casuais. Vamos aos detalhes.

The King of Fighters XIII é um título excelente para quem é fã da série. Toda a complexidade da franquia está adequadamente retratada na atual geração, permitindo que os veteranos aproveitem tudo o que o nome KOF tem a oferecer. Mas, se você nunca ouviu falar na série, então é melhor procurar outra briga.

Complexo como você gosta

Sem dúvidas, uma das maiores características de KOF XIII é a sua complexidade. Ao contrário dos demais títulos, o game oferece lutas de um contra um, mas em times de três guerreiros. Temos mais de 30 lutadores, incluindo conhecidos e nomes inéditos, que completam a lista de jogadores de todos os tipos.

Mas, o que realmente diferencia KOF XIII dos demais games é a sua jogabilidade. Aqui, o jogador conta com quatro tipos de pulo diferentes e, de quebra, também pode realizar rolamentos como movimentação evasiva. Isso adiciona muita estratégia nos combates e você deverá jogar bastante até conseguir dominar a função de cada golpe.

Como se não bastasse, as magias e ataques especiais também requerem mais prática para serem dominadas. Além dos golpes convencionais, temos ataques que são acionados com a ajuda das barras especiais do game.

Img_normal

The King of Fighters XIII conta com três barras diferentes: Power, Hyperdrive e Guard. A primeira serve para aprimorar ataques especiais (transformando-os nos famosos EX) e também para realizar ataques especiais devastadores. Já a Hyperdrive pode ser queimada para que seu personagem possa executar combos que, de outra maneira, seriam impossíveis. Além disso, ela também serve para ligar golpes especiais com outros, criando combinações brutais. Por fim, temos a Guard Gauge, que indica o quanto de bordoada você ainda pode suportar.

Em suma, a essência de KOF está aqui, devidamente ajustada para atual geração e trazendo toda a complexidade que os fãs esperam. KOF XIII definitivamente não fica devendo quando o assunto é jogabilidade e oferece um dos conceitos mais completos no gênero luta.

Várias maneiras de brigar

KOF XIII oferece vários modos de luta diferentes. Mas, antes de partir para qualquer um deles, recomendamos o Tutorial. Aqui, você aprende o básico sobre os pulos e os movimentos fundamentais do game. Além disso, nos ensinamentos o jogador também tem a chance de descobrir mais sobre cada barra, testando o poder delas.

Fora isso, temos um modo Story que está repleto de cenas de corte e uma trama que dificilmente será captada por quem não conhece a franquia. O modo Arcade é mais direto, partindo para a pancadaria sem muitas pausas entre cada luta. Por fim, temos o treino e os desafios, onde você pode praticar e aprender novos golpes.

O modo online de KOF XIII é a área mais quente do ringue. Aqui, temos uma experiência tranquila e sem lags quando a conexão está boa, permitindo que os jogadores se digladiem como se estivessem lado a lado.

Img_normal

Quanto aos gráficos, KOF XIII traz uma direção de arte bacana e reforçada por uma vasta gama de personagens cheios de estilo. Além disso, mesmo sendo inteiramente em 2D, temos cenários belos e muitos detalhes compondo os arredores de cada luta. No quesito áudio, KOF III traz várias canções que acompanham o estilo da série, assim como vozes desferindo falas para cada ataque.

Só para fãs

Sem dúvidas, quem não é fã da série dificilmente verá motivos para se aproximar de The King of Fighters XIII. A complexidade do título pode espantar os jogadores casuais e, além disso, a SNK simplesmente decidiu manter-se presa às raízes, trazendo vários elementos clássicos sem qualquer novidade para a atual geração.

Graficamente, o título também pode desapontar os jogadores da geração alta definição. Mesmo com o capricho na direção de arte, tecnicamente, o título não impressiona. O áudio também tem seus volumes baixos, principalmente quando vemos cenas de corte sem dublagem.

Por fim, a ausência de um modo online sem suporte para espectadores é outro fator que desapontará tanto os fãs quanto os novos jogadores hardcores que já desfrutaram disso em títulos como Street Fighter IV. E mesmo que KOF XIII salve seus replays, é impossível compartilhá-los com seus amigos.

Img_normal

85 ps3
Ótimo

Outras Plataformas

85 xbox-360