Seu Review foi enviado com sucesso.
Enquanto ele fica pendente de aprovação, dê sua nota para o jogo. Sua opinião é importante para a comunidade!
Avaliar este jogo
Voxel
Wii Party U
COMUN.
75
VOXEL
Wii Party U
Avaliar este jogo
Review
Avaliar este jogo
Compre com o menor preço:

Que tal agitar a sua festa?

Cássio W. Barbosa

Desde o nono título da série Mario Party, lançado em 2012 para o Wii, a franquia de jogos de tabuleiro da Nintendo está nas mãos da Nd Cube. Enquanto a desenvolvedora lançou um novo título da série para o 3DS em outubro, no Wii U a franquia recebeu uma abordagem um pouco diferente.

Em vez da presença dos icônicos personagens da Nintendo, os minigames de Wii Party U são disputados pelos Miis presentes no seu Wii U. Ao mesmo tempo, o jogo também segue a linha de títulos como Game & Wario, voltados para apresentar as diferentes e exclusivas funcionalidades do console (como o Gamepad, por exemplo).

Com mais de 80 minigames ao todo, o jogo conta com três modos principais para diferentes sessões de jogatina. Assim, é possível escolher modos de tabuleiro, com maior duração, ou então escolher minigames específicos para animar a sua festa rapidamente. Mas será que a diversão consegue se sustentar?

Os títulos em que a Nintendo coloca seus personagens para disputar partidas de tabuleiro sempre foram garantia de diversão multiplayer. Enquanto em Wii Party U, Mario e companhia estão ausentes, a diversão continua lá.

No comando de seus Miis, é possível combinar mais de 80 minigames diferentes em modalidades bastante variadas e capazes de sustentar uma reunião com os seus amigos por um bom tempo. Além do retorno de alguns jogos clássicos, há também opções que utilizam o Gamepad de maneira criativa e interessante.

No entanto, como de costume, a diversão proporcionada pelo game é diretamente proporcional ao número de amigos ao seu lado, sendo um verdadeiro problema quando esse número é zero. Afinal, mesmo com a possibilidade de enfrentar oponentes controlados pelo computador, os minigames acabando perdendo toda a sua graça. Desse modo, Wii Party U é uma ótima opção, mas apenas se você costuma chamar seus amigos para jogar com você com frequência.

Enquanto jogar online é bastante divertido, quando um jogo oferece opções multiplayer local ele geralmente se destaca. É o caso de Wii Party U, que se torna muito mais divertido conforme mais pessoas estiverem na sua companhia.

Enquanto há uma grande diversidade de minigames, a forma como eles dispostos pelo jogo também é variada e ajuda as partidas a não tornarem-se repetitivas – mesmo quando alguns jogos se repetem. Há, por exemplo, um modo de tabuleiro bastante interessante baseado na rolagem de dados. Nele, os jogadores disputam um minigame para definir a ordem de jogo da rodada. No entanto, além de ordenar os competidores, o método também serve para premiar aqueles que vencem os joguinhos, uma vez que o primeiro lugar ganha o direito de rolar dez dados na sua vez (podendo percorrer de uma vez até sessenta casas) contra apenas dois dados do último colocado.

Img_normal

Já outros tabuleiros transformam a rolagem de dados em novos jogos, fazendo os jogadores andarem um número de casas igual ao de balões estourados num rápido minigame na tela inicial, por exemplo. Os menos habilidosos, contudo, ainda podem contar com a sorte de cair em algumas casas especiais para serem arremessados para algumas casas à frente, ganhar dados adicionais ou mesmo serem teletransportados para a localização de outros jogadores.

Para complementar, os minigames conseguem, em sua grande maioria, um feito bastante raro, sendo fáceis de aprender, mas não tão fáceis assim de serem dominados. Desse modo, alguém que conhece todas as opções de cabo a rabo não terá a vitória garantida – uma boa forma de manter a competição interessante sempre.

Além dos modos de tabuleiro, o jogo também conta com um Party Mode e uma seção de joguinhos exclusivos para o Gamepad (dos quais boa parte utiliza um suporte, incluso no pacote do game, para deixar o controle na horizontal). Com versões de pebolim, beisebol e até mesmo uma espécie de bocha, os jogos são interessantes, mas acabam sendo menos interessantes por permitirem apenas uma dupla por vez (em vez dos tradicionais quatro jogadores dos outros minigames).

Img_normal

Já o Party mode oferece atividades mais rápidas, mas também bastante divertidas. Há, por exemplo, um jogo em que todos os jogadores precisam desenhar no Gamepad, mas uma pessoa recebe uma indicação diferente das demais. No final, os jogadores precisam eleger quem foi o diferente. Já outras modalidades propõem atividades mais atividades, como fazer um círculo em volta do Gamepad no chão e dançar em roda conforme as indicações na tela e o ritmo da música – algo tão divertido quanto bizarro.

Quando fazemos a inevitável comparação de Wii Party U com outros jogos da série Mario Party, é impossível não notar que o título do Wii U apresenta em encanto em relação a “seus rivais”. Isso acontece não só pela ausência dos protagonistas da Nintendo, muito mais carismáticos que os Miis, mas também pela riqueza de detalhes presentes nos tabuleiros e jogos. Desse modo, quem jogou títulos anteriores pode se sentir um pouco incomodado em tabuleiros apenas com casas simples, como “avance 20 casas” ou “role 5 dados”.

Além disso, se o multiplayer local de Wii Party U é capaz de animar qualquer grupo de amigos, sem a companhia de alguém, contudo, o jogo perde praticamente toda a sua graça. Claro, há várias modalidades que oferecem oponentes controlados pelo computador para enfrentar quem está sozinho, mas ainda assim é difícil divertir-se desse modo.

Img_normal

Assim, enquanto o multiplayer local proposto pelo jogo é sensacional. Wii Party U poderia se beneficiar caso investisse também em um modo online – uma área em que a Nintendo infelizmente não presta muito atenção. Afinal, acredito que boa parte dos jogadores costuma ter mais oportunidades para jogar sozinho do que acompanhado de alguém.

Compre com o menor preço:
75 wiiu
Bom