Voxel
XCOM: Enemy Within

XCOM: Enemy Within

Sobre
Nota Voxel
95
Avaliado no PC
Últimas atividades
01/09/2017

XCOM sai temporariamente da App Store e outros jogos da 2K se despedem dela

A 2K Games se adiantou ao lançamento do iOS 11 e avisou na última quinta-feira (31 de outubro) que vai remover alguns games da App Store — dois deles somente de forma temporária. Enquanto XCOM: Enemy Within vai ganhar uma versão de 64 bits em um futuro próximo, jogos como Sid Meier`s Pirates vão se despedir da App Store de forma definitiva.
XCOM sai temporariamente da App Store e outros jogos da 2K se despedem dela
14/11/2014

XCOM: Enemy Within chega ao Google Play por US$ 12,99

Os fãs do primeiro XCOM: Enemy Unknown têm agora mais uma razão para fritar alienígenas. Isso porque XCOM: Enemy Within, que conta com o talento dos mesmos criadores, chegou ao Google Play por US$ 12,99. A versão mobile traz novas armas para o arsenal, personagens e inimigos inéditos e mais habilidades de soldado.
XCOM: Enemy Within chega ao Google Play por US$ 12,99
12/11/2014

XCOM: Enemy Within chega ao Android e iOS em 13 de novembro

Quando foi lançado, XCOM: Enemy Unknown se mostrou um enorme sucesso. Tão grande, de fato, que a empresa não tardou a lançar o game, originalmente exclusivo para consoles, também para dispositivos móveis. E não parou por aí: o título ainda recebeu um re-release, trazendo ainda mais conteúdo que o original – o aclamado XCOM: Enemy Within.
XCOM: Enemy Within chega ao Android e iOS em 13 de novembro
21/11/2013 às 16:36h

XCOM: Enemy Within

Quando XCOM: Enemy Unknown foi lançado em outubro de 2012, confesso que não dei muita bola para o game inicialmente. No entanto, em questão de pouco tempo aproveitei uma promoção para conferir o jogo e digo que não me arrependi: após diversas mortes, reinícios e missões difíceis, completei o título sem perder o controle de...
Review enviada por Felipe Gugelmin
09/10/2013

Novo trailer de XCOM: Enemy Within mostra facção humana vilã

O novo vídeo que a 2k Games liberou do aguardado XCOM: Enemy Within mostra que os alienígenas podem representar a menor das ameaças no game.
Novo trailer de XCOM: Enemy Within mostra facção humana vilã
05/09/2013

2K mostra jogabilidade comentada de XCOM: Enemy Within [vídeo]

Depois do relativo sucesso de The Bureau: XCOM Desclassified, que veio para dar um novo início para a série, a 2K Games mostrou na PAX Prime deste ano um gameplay comentado do novo XCOM: Enemy Within. O título volta às origens da jogabilidade da franquia de RTS, exibindo os visuais a que os fãs estavam acostumados antes de The Bureau.
2K mostra jogabilidade comentada de XCOM: Enemy Within [vídeo]
02/09/2013

XCOM: Enemy Within: novo vídeo traz MECs e soldados alterados geneticamente

XCOM: Enemy Within acaba de ganhar mais um vídeo. Nele, temos a primeira chance de ver os novos aliens, a nova classe do game – os ciborgues – e um pouco do funcionamento da modificação de genes, além da tecnologia usada para criá-los e como isso afetará o campo de batalha.
XCOM: Enemy Within: novo vídeo traz MECs e soldados alterados geneticamente

Review enviada por

Dica enviada por
Carregar Mais
Ficha Técnica
Data de lançamento 14/11/2013
Classificação Para maiores de 17 anos
Desenvolvedora Firaxis Games
Distribuidora 2k Games
Número de jogadores 1-2
Sobre

XCOM é uma franquia muito mais antiga do que talvez você possa imaginar. O primeiro game em que a série foi baseada, chamava-se UFO: Enemy Unknown, feito pela Mythos Games e pela MicroProse no ano de 1994. A produção  foi originalmente lançada para os consoles Amiga e CD32, o que explica a razão pela qual a maioria dos jogadores desconhece essa informação.

Felizmente, a 2K Games se mostrou atenta à movimentação do mercado e aproveitou para lançar uma expansão para XCOM: Enemy Unknown, batizada como XCOM: Enemy Within. O título dá continuidade ao que foi apresentado pela Firaxis em outubro de 2012, apresentando novas facções que ajudam a enriquecer a história que tem como base uma invasão alienígena.

Entre os principais atrativos do pacote, podemos citar os MECs (Mechanized Exoskeletal Cybersuit), que além de possuírem os novíssimos lança-chamas, também podem empregar muita força bruta. Outra novidade de Enemy Within são as alterações genéticas que podem ser realizadas em estações criadas pelos próprios jogadores, ao custo da captação de um recurso disponível dentro do jogo, chamado “Meld”.

Uma característica bastante interessante das fontes do elemento espalhadas tanto pelos cenários novos quanto pelos antigos, é que elas contam com um tempo contado de existência. Vale frisar que as modificações propiciadas nos laboratórios cibernéticos poderão ser aplicadas ao cérebro, olhos, peito, pernas e pele, incluindo melhorias como pupilas com sensibilidade refinada para os snipers, ou uma pele especial para ficar invisível.

Ver mais