Em 2018, o Geek & Game Rio Festival reforça posição como um grande evento
16
Compartilhamentos

Em 2018, o Geek & Game Rio Festival reforça posição como um grande evento

Último Vídeo

Realizado entre os dias 20 e 22 de julho, o Geek& Game Rio Festival 2018 reuniu na cidade do Rio de Janeiro fãs de quadrinhos, mangás, séries, filmes e jogos (entre outros elementos da cultura Pop) para três dias de celebração no Rio de Janeiro. Estivemos presentes no dia 21 e 22 à convite da organização e pudemos conferir as principais atrações exibidas durante o evento.

Mais focado em seu lado Geek do que no Game, o evento reforçou sua posição como uma referência para o público local, que também sofre com certa concentração de feiras do tipo na região de São Paulo. Com um clima bastante familiar, o evento deu ao público presente a chance de conferir painéis com atores famosos (como o “Senhor Barriga”, de Chaves), interagir com YouTubers conhecidos e acompanhar torneios de eSports.

GGRJ

Fora dos palcos, o público presente também encontrou uma estrutura completa de elementos que referenciavam a cultura pop, muitos deles voltados ao consumo. Quem andava pelos corredores do evento se deparava com diversos stands de empresas dedicadas a vender livros e quadrinhos com descontos interessantes (mesmo que nem tanto, em alguns casos), miniaturas importadas e acessórios para games.

Havia até mesmo a oportunidade de deixar sua paixão por uma série ou personagem marcada no corpo, no espaço em que tatuadores ofereciam ser serviços ao público mais entusiasmado. Em minha opinião, o destaque nesse sentido foi o canto dado a autores de quadrinhos: nomes mais ou menos conhecidos podiam não somente apresentar seus trabalhos autorais ao público, como também se aproximar de quem só os conhecia por sua arte – os materiais vendidos chamavam a atenção não somente pela exclusividade, mas também pelo preço mais camarada do que o praticado em bancas e livrarias.

Mais Geek do que Game

Como expliquei em meu artigo dedicado ao tema, a Geek & Game Rio Festival trouxe um bom espaço dedicado aos games, mas não exatamente da maneira como os fãs poderiam esperar. A ideia aqui era muito mais ter acesso a plataformas ou títulos que você não necessariamente tem acesso do que trazer novidades bombásticas e conteúdos nunca vistos antes – o que também pode ser positivo.

GGRJ

Nas estações de jogos presentes no evento, era comum ver crianças se divertindo com a possibilidade de uma partida rápida de League of Legends, FIFA 18 ou FortniteBattle Royale, sem se preocupar que isso exigia esperar em uma fila. Jornalisticamente falando isso pode não ser tão interessante (afinal, não havia nada de realmente “novo” acontecendo), mas a iniciativa não deixa de ser interessante se pensarmos que é somente dessa forma que muitas pessoas conseguem ter acesso à plataformas mais recentes – podendo desenvolver um gosto que se transformará em paixão no futuro.

Quem buscava por algo mais novo tinha como alternativa a área dedicada aos games independentes, que abrigou projeto com propostas, escopos e nível de desenvolvimento bastante variado. Esse espaço se mostrou interessante não somente para dar mais visibilidade à cena de desenvolvedores do Rio de Janeiro, como também por permitir a interação direta com profissionais que não veem seus projetos somente como um trabalho, mas sim uma verdadeira paixão.

Também pudemos acompanhar demonstrações de games como Hearthstone e um torneio bastante interessante de Rainbow SixSiege, este último capaz de atrair uma quantidade generosa de pessoas ao palco dedicado. A estrutura montada possui uma qualidade bastante profissional, algo que se refletiu também na equipe de apresentadores e narradores – mesmo quem não estava muito acostumado ao game da Ubisoft conseguia entender o que estava acontecendo e acompanhar os embates.

Influenciadores foram o destaque 

Se em matéria de estrutura e exibidores a Geek & Game Rio Festival ofereceu uma experiência sólida, as verdadeiras atrações foram os YouTubers e influenciadores convidados pela organização. Enquanto o palco dedicado à cultura Geek permaneceu com sua plateia ocupada praticamente todos os momentos dos dias em que estivemos presentes, a importância dessas figuras ficou ainda mais evidente no palco para games.

GGRJ

Enquanto uma etapa classificatória de Rainbow SixSiege atraiu um bom público e atraiu uma boa plateia, a presença dos Irmãos Piologo foi quem conseguiu realmente acabar com todos os lugares (e fazer muita gente ficar de pé para assistir). O mesmo fenômeno se repetiu sempre que algum dos convidados aparecia no palco, atraindo um público formado principalmente por adolescentes e crianças.

Isso mostra que, para grande fatia do público, não importa necessariamente qual game está sendo exibido, mas sim quem está os exibindo. Ao apostar na proximidade com o público e em uma linguagem ao mesmo tempo acessível e descontraída, os influenciadores digitais devem permanecer parte importante dos eventos de Cultura Pop do Brasil nos próximos anos.

Saldo positivo

Infelizmente, nem tudo foi perfeito no Geek & Game Rio Festival, sendo que o principal problema está relacionado às opções de alimentação. Além de haver poucas opções para quem não estava disposto a comer hambúrgueres, pastéis ou outra opções recheadas de calorias, o preço do que havia disponível era bastante elevado. 

Essa questão parece um elemento comum a outros eventos realizados no Brasil (a BGS sofre com ele há anos, por exemplo), mas não deve deixar de ser mencionado. Ao menos a área dedicada a isso era grande o suficiente para que ninguém ficasse sem mesas, e uma equipe de limpeza eficiente garantiu um ambiente agradável.

GGRJ

Mesmo com essa ressalva, posso afirmar sem dúvidas que o Geek & Game Rio Festival 2018 cumpri seu objetivo de oferecer um bom espaço para os fãs de quadrinhos, séries, filmes e games. Seja qual fosse seu gosto pessoal, houve uma atração para cada tipo de público: aquele que queria levar a família para se divertir no fim de semana, quem quisesse se encontrar e conversar com amigos ou para aqueles que queriam fazer umas comprinhas e conseguir um autógrafo daquela celebridade querida (ou se contentar em vê-la à distância). 

Em resumo, quem pode participar do evento teve motivos de sobra para sair daqui satisfeito e com a garantia de que o investimento no ingresso valeu a pena. Resta esperar que a edição 2019 (já garantida para abril) seja ainda maior, continuando a oferecer ao público do Rio de Janeiro acesso a conteúdos desse universo. 

Viajamos ao Geek & Game Rio Festival 2018 a convite da organização do evento 

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.
Voltar para notícia
Carregando...
Comentários
Carregando...
Este comentário foi apagado. Desfazer
+1
-1
Este comentário foi apagado. Desfazer
Responder Excluir Editar
+1
-1
Ver mais comentários Ver mais comentários