Voxel

Activision comenta sobre desligamento de Guitar Hero

Último Vídeo

Img_normal

Muitos já sabem que a gigante Activision resolveu dar fim às franquias Guitar Hero, DJ Hero e True Crime. Mas poucos conhecem os relatos de Bobby Kotick, o CEO da companhia, que resolveu comentar sobre o assunto na última quinta-feira (10 de fevereiro).

Saiba o que disse Kotick ao CNBC sobre o desligamento de Guitar Hero:

“Nós tivemos três produtos fantásticos no mercado dentro do gênero musical no último ano: nossos dois games (DJ Hero 2 e Guitar Hero: Warriors of Rock) e um ótimo game de Rock Band. No entanto, não é uma categoria que está entusiasmando os consumidores no momento, e por isso eu acho que é preciso focar os recursos nas coisas que realmente deixam os consumidores empolgados.”

“Se algo não está funcionando, nós o tiramos da mesa e podemos até reinventá-lo no futuro, mas nosso foco é realmente descobrir quais os temas que excitarão as audiências ao máximo.”

Img_normal

Ainda na quinta-feira, a Activision se pronunciou sobre um possível renascimento das séries GH e DJ Hero:

“Nós nunca podemos dizer nunca, mas durante os últimos dois anos nós acompanhamos rápidos declínios no gênero musical e, infelizmente (com base na demanda atual), nós simplesmente não podemos continuar a fazer esses games lucrativamente, dados os consideráveis custos de manufatura e licenciamento.”

Paralelamente, Kotick falou na mesma entrevista que a empresa não está preocupada com a ideia de lançar um serviço de assinatura de Call of Duty.

E os extras?

Img_normalDesativando a unidade de negócios relativa à distribuição de Guitar Hero, a companhia também cessa a disponibilização de conteúdos bônus liberados via download (os famosos pacotes de DLC). No FAQ —Frequently Asked Questions ou Perguntas Frequentemente Respondidas — do site oficial da franquia DJ Hero, consta a seguinte indagação:

“Vocês ainda disponibilizarão novos DLC para GH e DJ Hero?”

Eis a resposta:

“Nós lançaremos em fevereiro os pacotes de DLC previamente anunciados. Mas, infelizmente, nós não poderemos disponibilizar novos conteúdos extras além dos que nós já temos.”

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.