Activision compra ações da MLG, empresa de eSports, por US$ 46 milhões
186
Compartilhamentos

Activision compra ações da MLG, empresa de eSports, por US$ 46 milhões

Último Vídeo

O segmento do eSports está ganhando proporções cada vez mais épicas com o decorrer do tempo. Negociações milionárias têm ocorrido quase que semanalmente, e a Activision também quer uma casquinha do produto. A boa nova é que a dona de Destiny e de Call of Duty gastou nada menos que US$ 46 milhões na compra de ações da Major League Gaming (ou simplesmente MLG), organização profissional de eSports.

Essa negociação praticamente dissolve por completo a empresa, segundo apurou o site eSports Observer. O co-fundador e CEO da MLG, Sundance DiGiovanni, deixou seu cargo e foi substituído pelo antigo CFO, Greg Crisholm. Todos esses detalhes, convém ressaltar, não foram confirmados nem por Activision e nem por MLG. Atualizaremos esta notícia conforme necessário.

Ainda de acordo com o referido portal, a negociata teria irritado alguns investidores e foi realizada sem o consentimento de todos os envolvidos.

O ex-CEO DiGiovanni fundou a MLG junto a Mike Sepso em 2002. Ao longo dos anos, a companhia sediou, regularmente, torneios profissionais de games, numa época em que o conceito ainda não era conhecido como eSports. Posteriormente, a proporção cresceu e alcançou os streamings, os eventos em locais importantes e as massas de jogadores. Em 2014, a MLG inaugurou a primeira arena de jogatina profissional em Ohio, nos EUA. A empresa também planejava abrir outro espaço dedicado aos eSports na China em 2017.

A Activision está flertando com o segmento há algum tempo. Nomes como StarCraft, World of Warcraft, Heroes of the Storm e Hearthstone, todas em parceria com a Blizzard, buscam esse nicho. Call of Duty, que é 100% da Activision, também quer surfar essa onda. Vejamos o que o tempo dirá.

Você acha que a Activision tem potencial pra se dar bem nos eSports? Comente no Fórum do TecMundo Games.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.