Age of Empires 4: 'Quero um sucessor digno de AOE 2', diz melhor do mundo

Age of Empires 4: 'Quero um sucessor digno de AOE 2', diz melhor do mundo

Último Vídeo

Age of Empires 4 está na expectativa de muitos fãs de estratégia e já sabemos que ele ganhará mais informações e gameplay em novembro. Mas, até lá, o melhor jogador do mundo quer ver uma coisa só para a continuação da franquia: que ele seja tão épico quanto Age of Empires 2.

Em entrevista exclusiva com o Voxel, o profissional norueguês e integrante do Team Secret, Ørjan "TheViper" Larsen, explicou quais são as suas preocupações e desejos para Age of Empires 4. "Eu quero ver um sucessor digno de Age of Empires 2", explicou o jogador. "Tipo de jogo similar, período de tempo similar, mecânicas similares, mas melhorado e modernizado em todos os aspectos", completa. 

Embora seu desejo está em aperfeiçoar o que já temos em Age of Empires 2, o norueguês cita que há espaço para trazer coisas inéditas. "Creio que eles deveriam ir para mecânicas novas. O gênero de estratégia em tempo real não é tão popular quanto ele já foi um dia, talvez eles tenham que ser criativos e reinventar o gênero um pouco. Mas se for muito longe de AOE 2 será mais uma decepção", citou o profissional, relembrando da comunidade que deixou Age of Empires 3 para voltar a competir no jogo anterior da série.

Voltando ao tempo, TheViper lembra que Age of Empires 3 teve seus problemas, mas o gênero mais do que nunca precisa achar o ponto de equilíbrio para que os profissionais e o público se divirtam no processo de se aprofundar no jogo. "Creio que o gênero RTS é muito complicado e demanda esforço e habilidade, e isso não dá para competir com games menos complicados, mas ainda competitivos".

"Estes jogos simplesmente apelam para mais pessoas porque é mais fácil de jogar, mas que ainda trazem um aprofundamento competitivo em altos níveis. Talvez no futuro isso mude de volta, mas eu não vejo isso acontecendo muito cedo", explicou.

O sucesso, para TheViper, também dependerá de como a Microsoft irá conduzir o game juntamente com as competições de esports. "Eu creio que o melhor seria se a Microsoft estabelecesse uma lei ou uma regra para a maioria dos torneios. Então talvez possa haver uma cooperação entre os organizadores de torneio e a Microsoft em termos de tornar esses eventos como copas ou ligas que levem pontos para, quem sabe, uma grande final em algum lugar? Isso seria incrível! Mas eu espero que a Microsoft invista mais e mais dentro da cena competitiva e faça isso super interessante com Age of Empires 2: Definitive Edition", conclui.

Um pouco da carreira de The Viper no Age of Empires

TheViper não é um nome desconhecido para quem é um fã de de Age of Empires: ele é apontado diretamente como o melhor do mundo desde 2012. A comunidade sabe e até faz brincadeiras com isso.

"Quem é o número 2 em AOE 2", foi um dos campeonatos da comunidade em agosto desse ano e que reuniu quatro dos melhores jogadores do mundo. E adivinha: TheViper não estava lá. Motivos óbvios: ele é o número 1.

Durante a entrevista, TheViper também elogiou muito os brasileiros que ainda estão presentes nas competições internacionais de Age of Empires. "O Brasil sempre teve alguns dos melhores jogadores de AOE 2 no mundo, e eles são obviamente muito difíceis de bater. Quando eu cheguei e comecei a jogar competitivamente, tínhamos o RiuT, dogao, Alive e Wrath, isso se mencionar alguns. Então outros começaram a ficar melhores com o tempo, como o F1re, FeAge, miguel, Stark, Goku, etc. Há muitos mais, mas o Brasil é um dos times com o maior percentual de jogadores realmente muito bons", lembra.

Ele mesmo já teve a oportunidade de quase levantar o caneco ao lado de dois deles, Daniel "RiuT" Lima e Helenês "F1re" Romano, na grande final da Clan Masters: The Final Showdown, na China em 2016. Mas, naquela ocasião em específico, ele acabou jogando muito mal.

"Eu lembro que [esse evento] foi bem difícil para a gente, todos os jogadores do nosso time tiveram uma noite pesada antes. Para mim, essa foi uma das minhas piores performances em um torneio. Eu lembro de ter uma ressaca e vomitar três vezes antes da final começar, e isso depois de três horas de sono. Foi um dia realmente difícil, e isso refletiu no meu gameplay. Mas foi muito emocionante ver a audiência chinesa e os nossos oponentes ficarem tão felizes e empolgados. No entanto, eu preferia ter levantado o troféu", brincou.

O melhor do mundo ao lado dos seus companheiros na final da China. Da esquerda para a direita: The Viper, DauT, F1re e RiuT.
O melhor do mundo ao lado dos seus companheiros na final da China. Da esquerda para a direita: The Viper, DauT, F1re e RiuT.

E, mesmo assim, ele quase venceu aquele campeonato dos chineses.

"Eu lembro que a gente perdeu por um jogo de diferença. Eu fiquei muito bravo. Lembro que eu tava jogando muito bem e justamente o Viper, que era o melhor do mundo, não jogou muito bem nesse dia. E ele era decisivo. Se ele tá bem, a gente ganha, se não, ferrou", comentou o brasileiro RiuT sobre essa ocasião em uma entrevista com o Mais Esports.

Temos uma certeza: TheViper será um dos nomes a serem batidos no Age of Empires 4. Resta saber se ele irá durar tanto quanto o amor dos fãs por Age of Empires 2.

Um agradecimento especial ao Márcio Medeiros por ajudar nessa matéria.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.
Voltar para notícia
Carregando...
Comentários
Carregando...
Este comentário foi apagado. Desfazer
+1
-1
Este comentário foi apagado. Desfazer
Responder Excluir Editar
+1
-1
Ver mais comentários Ver mais comentários