Alemanha reconhece corridas em simuladores como um esporte real
26
Compartilhamentos

Alemanha reconhece corridas em simuladores como um esporte real

Último Vídeo

Quem é fã de jogos de corrida a ponto de investir em simuladores e seguir um calendário estrito de competições online acaba de receber uma boa notícia vinda da Alemanha. O país reconheceu as corridas em simuladores como um esporte legítimo, colocando-as no mesmo patamar que competições como a Formula 1, a Formula Indy e a Stock Car, entre outras.

iRacing

Em um comunicado à imprensa, a Deutsche Motor Sport Bund (DMSB), órgão regulatório das corridas no país, assumiu que há poucas diferenças entre correr em simuladores e participar de provas reais. No entanto, a organização não está falando de quem usa um volante e um pedal para jogar, mas sim de quem leva isso a sério e, além de possuir um equipamento completo, tem habilidades que se traduziriam sem grandes problemas nas pistas reais.

Reconhecimento e regulação

Muitos dos competidores de esportes reais começaram suas carreiras em simuladores como o iRacing ou usam plataformas do tipo como forma de treino. Lando Norris, que faz sua estreia pela McLaren em 2019, é um dos que afirma que os eSports ajudaram a moldar suas habilidades, e empresas como a Ford já usam simuladores como parte de sua rotina de treinamentos.

iRacing

Junto ao anúncio, a DMSB anunciou um novo braço para cuidar das regulações de eSports, que vai definir regras padronizadas para todas as competições do tipo. Essa é a primeira entidade da categoria a tomar uma decisão do tipo, e há grandes indícios de que outras organizações ao redor do mundo devem seguir seus passos em um futuro próximo.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.

Voltar para notícia
Carregando...
Comentários
Participe agora deixando seu comentário Acesse sua conta
Carregando...
Este comentário foi apagado. Desfazer
+1
-1
Este comentário foi apagado. Desfazer
Responder Excluir Editar
+1
-1
Ver mais comentários Ver mais comentários