ANCINE revela vencedores de concurso para investimentos em games nacionais

ANCINE revela vencedores de concurso para investimentos em games nacionais

Último Vídeo

Foram anunciados pela Agência Nacional do Cinema (ANCINE), órgão que regula o setor audiovisual nacional, os vencedores do primeiro concurso de investimento em jogos eletrônicos, feito em parceria com a Abragames. A iniciativa foi voltada à indústria brasileira de video games.

O projeto, chamado de "Brasil de Todas as Telas", tinha como objetivo injetar R$ 10 milhões em 23 projetos de desenvolvimento de games do país todo. Para a agência, esse reconhecimento oficial irá vai transmitir para o resto do mundo o potencial dos jogos brasileiros. Afinal, com essa grana, o desenvolvimento do mercado interno vai gerar uma confiança ainda maior internacionalmente, o que pode atrair mais investidores e publishers estrangeiros.

No total, foram 123 projetos inscritos, de todas as regiões do país. Os estados mais representados pelos participantes foram São Paulo (32), Rio de Janeiro (20), Bahia e Rio Grande do Sul (ambos com dez). Além desses, houve adesão de todo o canto do país, sendo no total: 60 do Sudeste, 24 do Nordeste, 27 do Sul, oito do Centro-Oeste e quatro da região Norte.

O gênero de jogos mais popular entre os participantes foi ação e aventura, seguido da categoria puzzle e plataforma e estratégia. A plataforma mais utilizada foi o computador, responsável por 40,7% dos games inscritos, seguido pelo mobile, com 39%. A realidade virtual não ficou de fora e foi bem representada por 12 títulos.

Vencedores

Os prêmios foram divididos por níveis, sendo eles: Categoria A, que reuniu dois projetos receberam até R$ 1 milhão; Categoria B, que teve 13 projetos escolhidos, com prêmios de até R$ 500 mil; e, por último, Categoria C, com oito vencedores que ganharam até R$ 250 mil.

Os premiados foram:

Categoria A

  • Arani (Diorama Digital - Pernambuco)
  • Out of Space (BS Jogos Eletrônicos - Distrito Federal)

Categoria B

  • Areia (Raimbault Humberto & Pereira - Minas Gerais)
  • Bugidroids (44 Entretenimento Interativo - São Paulo)
  • Demagnete VR (BitCake Studio - Rio de Janeiro)
  • Guts (Flux Game Studio - São Paulo)
  • Hero Among Us (A.D.F Desenvolvimento de Jogos - São Paulo)
  • Keen (Cat Nigiri - Santa Catarina)
  • RacketBoy, da Double Dash Studios (do Rio de Janeiro)
  • RaidBoss, da Oktagon Games (do Rio de Janeiro)
  • Sand Bullets, da Duaik Entretenimento (de São Paulo)
  • Silo (J. O. de Queiroga - Amazonas)
  • Super Volley (SouthBox Game Studio - Rio Grande do Sul)
  • Terracodex: As Onze Relíquias (Webcore Studios - São Paulo)
  • Tetragon (Cafundó Estúdio Criativo - Santa Catarina)

Categoria C

  • Addle Earth (Sunland Studios - Minas Gerais)
  • Baconrun! (Kokku Games - Pernambuco)
  • Cupins de Tromba Trem (Copa Studio - Rio de Janeiro)
  • Gravity Heroes (Studica Brasil Software - São Paulo)
  • Josh Journey: Totens da Escuridão (Iuri Araújo Cardoso - Goiás)
  • Kriaturaz (Messier Games - São Paulo)
  • Musashi x Cthulhu (Sandro Tomasetti - Paraná)
  • Projeto Sertão – EP. 2 (Virtualize Interatividade Digital - Bahia)

Junto com os vencedores, foi anunciado o próximo concurso, que já está com o edital e as inscrições em aberto, também com investimento de R$ 10 milhões como prêmio. Para saber mais informações sobre essa nova etapa, você pode conferir este link.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.