Ansioso? Assista a 33 minutos dos bastidores de No Man’s Sky

Ansioso? Assista a 33 minutos dos bastidores de No Man’s Sky

Último Vídeo

No Man’s Sky é um projeto ambicioso e um pouco confuso. Com a proposta de criar uma experiência quase infinita, o game é considerado um “simulador de exploração espacial”. Se o trailer da PlayStation Experience ainda não o satisfez ou esclareceu suas dúvidas, talvez o vídeo abaixo ajude:

Na entrevista da Game Informer, o criador Sean Murray explica sobre as mecânicas do jogo e a proposta de exploração. Esta não é a versão final do game, e sim uma build de desenvolvedor – podemos observar que ferramentas como a câmera de debug estão presentes.

Os cenários de No Man’s Sky são todos gerados em tempo real e é impressionante a complexidade dos planetas criados, considerando a aleatoriedade oferecida. Os animais, prédios, naves e todo o resto apresentam uma infinidade de variações, tudo para que cada novo planeta descoberto faça você sentir como se fosse uma experiência única.

A qualidade técnica aplicada por trás do jogo é incrível e totalmente justificável para a nova geração. O criador expõe que não gostaria de utilizar todo esse potencial em “mais um” game que tivesse apenas gráficos melhores, optando pela ideia de usar todo esse poder de processamento para criar uma coisa única.

Apesar dos altos e baixos da desenvolvedora, No Man’s Sky parece mais promissor do que nunca e pode muito bem ser um marco no mundo dos video games quando lançado, nos oferecendo a possibilidade de explorar um universo inteiro.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.