Voxel

Apesar de problemas no lançamento, Homefront tem boa expectativa de vendas

Último Vídeo

Img_normal

Apenas em seu primeiro dia nas lojas, o FPS Homefront vendeu 375 mil cópias, ultrapassando as expectativas da THQ para o game. A grande demanda pelo game, porém, ultrapassou a expectativa de usuários simultâneos nos servidores online, causando quedas de conexão e impossibilidades de jogo para diversos usuários. As notas medianas atribuídas ao game pelos sites internacionais também causaram uma queda de 36% nas ações da distribuidora na bolsa de valores americana.

A Kaos Studios, desenvolvedora do título, pediu paciência aos fãs em comunicado oficial publicado hoje, informando que já está instalando novos servidores para suportar a alta demanda online. Já o analista de mercado Doug Creutz acredita que o jogo venderá bem, apesar das notas recebidas. “Acredito que o jogo superará a marca de 2 milhões de unidades vendidas, e não há razão para mudar esta previsão por enquanto.”

A desenvolvedora não pretende deixar que toda a expectativa criada em torno do game esfrie rapidamente. Para evitar a venda de Homefront no mercado de games usados, a Kaos já prepara uma extensa agenda de eventos online e DLCs para manter o apelo do game. “O que entregamos [com o título] é muito atrativo e divertido”, afirmou.

Planos para sequência

Img_normalComo não poderia deixar de ser, o presidente da Kaos Studios, David Votypka, já confirmou o lançamento de uma sequência para o FPS. Segundo ele, porém, o modo campanha do segundo apenas será maior caso isso não tire o foco do desenvolvimento de um modo online consistente.

“Para o futuro, pretendemos fazer um modo campanha [maior], mas ultrapassar a marca das 10 horas e ainda assim fazer um [ótimo] multiplayer é uma questão de balanceamento de recursos”, afirmou o executivo. Para ele, a ideia é esperar o que os fãs tem a dizer antes de decidir qual dos dois aspectos será o mais privilegiado em um futuro título.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.