Voxel

Arte de Baldur’s Gate: Enhanced Edition foi feita completamente do zero

Último Vídeo

A ideia original de Baldur’s Gate: Enhanced Edition era ser uma remasterização do clássico game em alta definição. O game, porém, encontrou o primeiro percalço quando a BioWare e a Electronic Arts não conseguiram localizar as artes originais do game em seus arquivos, obrigando a equipe de desenvolvimento a refazer todo o visual.

Se isso hoje é uma coisa boa, na época, a ausência do material quase fez com que o título deixasse de existir. De acordo com Trent Oster, diretor da desenvolvedora Overhaul Games, Baldur’s Gate: Enhanced Edition chegou a ser cancelado por três semanas, antes de retornar à luz como um remake completo.

A ideia original, explica ele, era renderizar novamente todo o visual, adicionando gráficos em alta definição, e adaptar a engine do título de forma que ela lidasse melhor com a resolução maior. Enquanto esse trabalho era realizado, os departamentos jurídico e financeiro das empresas envolvidas discutiam detalhes do projeto e fechavam um acordo.

A procura envolveu até mesmo uma visita do próprio Oster aos escritórios da EA, onde ele passou quase uma semana vasculhando cada canto dos arquivos em busca das artes originais. Um esforço sem sucesso, já que nem mesmo uma única imagem pôde ser encontrada.

Felizmente, o acordo para lançamento foi revisto e Baldur’s Gate: Enhanced Edition conseguiu chegar às lojas, dando um ar renovado a um dos maiores clássicos dos RPGs eletrônicos.

Fonte: Eurogamer

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.