Voxel

Artigo conta polêmica história por trás de Donkey Kong

Último Vídeo

Img_normal

Um artigo publicado no site Gamasutra conta a origem do desenvolvimento e criação de um dos maiores sucessos da Nintendo, Donkey Kong. Como de costume, o esperado era ler o desenrolar do trabalho do que todos acreditam ser o criador do game, Shigeru Miyamoto, porém, segundo as informações da matéria, o jogo foi programado por uma companhia contratada, chamada Ikegami Tsushinki.

O único crédito que a companhia obteve foi uma mensagem escondida no próprio título dizendo o seguinte: “"CONGRATULATION !IF YOU ANALYSE DIFFICULT THIS PROGRAM, WE WOULD TEACH YOU.*****TEL.TOKYO-JAPAN 044(244)2151 EXTENTION 304 SYSTEM DESIGN IKEGAMI CO. LIM."

Img_normal

A mesma mensagem é mostrada em outros dois games clássicos da SEGA, Congo Bongo e Zaxxon, o que evidencia a participação da mesma companhia no desenvolvimento dos títulos. Infelizmente, para a Nintendo, o acordo com a Ikegami previa que os direitos do game ficaria com quem contratou a empresa. Anos depois, quando os macacos viraram hits de vendas, a “Big N” quebrou o próprio contrato e vendeu 80 mil cópias do jogo.

Anos mais tarde, quando a Nintendo criou Donkey Kong Jr. recebeu um processo por direitos autorais e perdeu de vez os direitos dos códigos da versão arcade de Donkey Kong. Esse fato, então, explica porque até hoje não vimos uma remake da versão original do game do macaco.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.