Assédio online é tema de palestra guiada por mulheres da indústria na GDC

Assédio online é tema de palestra guiada por mulheres da indústria na GDC

Último Vídeo

Para as meninas que jogam video games, a época é de mudanças: há um reconhecimento maior da mídia e das produtoras, que buscam alinhar suas produções com ideias mais abrangentes.

Jogos protagonizados por garotas, por exemplo, costumavam fazer parte de um lugar relativamente incomum dos apêndices da história dos jogos — hoje em dia, em contrapartida, além de diversos títulos estrelados por garotas, é quase padrão poder personalizar o gênero de seu herói.

Ainda assim, existe uma questão importante a ser tratada: o assédio. A GDC pretende tentar auxiliar quem trabalha no meio de desenvolvimento de jogos e precisa lidar, diariamente, com a internet. A ferramenta pode ser mágica para fazer descobertas, mas também revela uma verdade inconveniente — apenas fazer seu trabalho pode ter um preço.

O evento será palco para uma sessão com quatro mulheres de dentro da indústria: as game designers Elizabeth Sampat e Zoe Quinn, Neha Nair, relações públicas da Storm8, e Donna Prior, ex-gestora de comunidade na SOE e ArenaNet.

O objetivo é usar a experiência das profissionais em suas interações sociais e aprender qual a melhor maneira de agir em situações de risco. O tema, segundo a própria descrição, é que ninguém deve passar por isso sozinho.

A audiência esperada deve ser composta por qualquer um que passou por situações de assédio ou que esteja preocupado com riscos futuros — com foco especial em mulheres e pessoas marginalizadas.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.