Atraso de Final Fantasy VII Remake não afeta a estreia da Parte 2

Atraso de Final Fantasy VII Remake não afeta a estreia da Parte 2

Último Vídeo

O adiamento em um mês do lançamento de Final Fantasy VII Remake não vai afetar a estreia da segunda parte do tão aguardado RPG. Quem afirmou isso foi Yosuke Matsuda, presidente da Square Enix, em uma reunião sobre resultados financeiros do estúdio.

Apesar disto, o executivo não revelou novas informações sobre o segundo episódio da saga de Cloud. Desta forma, ainda segue como uma incógnita a data ou a janela de lançamento para a continuação da história.

Primeira parte de Final Fantasy VII Remake vai explorar o arco de Midgar. (Fonte: PlayStation.com/Divulgação)

Como anunciado na E3 de 2015, Final Fantasy VII Remake será lançado em formato de episódios. Assim, a Parte 1 chega ao PS4 no próximo dia 10 de abril e vai explorar os acontecimentos do arco de Midgar como vistos no jogo original lançado em 1997.

Em junho do ano passado, o produtor Yoshinori Kitase confirmou que a parte 2 já estava em desenvolvimento. Na época, ele explicou que o segundo episódio não iria demorar tanto tempo para ser lançado, isso porque todos os sistemas do jogo estão prontos.

Segundo os desenvolvedores, todos os sistemas do jogo estão finalizados. (Fonte: PlayStation.com/Divulgação)

Segunda parte ainda nos consoles da atual geração

Durante a mesma reunião, Yosuke Matsuda revelou que a Square Enix não pretende lançar títulos exclusivos para PS5 e Xbox Series X nos próximos anos. Segundo ele, a intenção é explorar a retrocompatibilidade dos consoles antes de criar jogos para a próxima geração.

A declaração do executivo talvez indique que a segunda parte de Final Fantasy VII Remake deve ser lançada ainda para os consoles da atual geração. Lembrando que o primeiro episódio será exclusivo de PS4 por um ano antes de chegar ao Xbox One e PC.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.
Voltar para notícia
Carregando...
Comentários
Carregando...
Este comentário foi apagado. Desfazer
+1
-1
Este comentário foi apagado. Desfazer
Responder Excluir Editar
+1
-1
Ver mais comentários Ver mais comentários