BGS: 10 edições da maior feira de games da América Latina - by Intel

BGS: 10 edições da maior feira de games da América Latina - by Intel

Último Vídeo

A BGS chega na sua décima edição esse ano. O evento, que começou tímido no Rio de Janeiro, evoluiu muito ao longo dos anos e hoje é o maior da América Latina. Por ela, já passaram grandes figuras do mundo todo, além de lançamentos e novidades em primeira mão para os jogadores brasileiros. Esse ano o evento contou com Hideo Kojima pela primeira vez no Brasil, e na área dos estandes, um grande destaque para os PCs. Com esse marco, é a hora perfeita de relembrarmos junto com a Intel toda a trajetória do evento.

Tudo começou em 2009, em uma quadra de ginásio no Rio de Janeiro, quando a feira ainda se chamava Rio Game Show. Foi tudo muito tímido, sem presença de grandes empresas ou figuras internacionais. 

Depois disso, a feira cresceu muito rápido, mais do que dobrando o público a cada edição. A segunda aconteceu em 2009 mesmo, em um centro de eventos, ainda no Rio.

Marcelo Tavares, criador da feira, sabia que ele teria que se tornar nacional, e em 2010 mudou o nome pra Brasil Game Show. Naquele ano, muitas empresas de peso apareceram - Sony, Blizzard, Warner - e pela primeira vez o publico pode interagir com uma figura internacional - Hector Sanchez, então produtor de Mortal Kombat.

Com certeza, as figuras internacionais sempre foram um ponto alto ao longo dos anos. Além de figurões como Yoshinori Ono, Ed Boon e Phil Spencer, o publico tambem pôde conversar com vários desenvolvedores que passaram por aqui.

Em 2012, a feira veio para São Paulo.  Provando que a decisão foi acertada, o grande destaque daquele ano foi o recém anunciado WiiU, da Nintendo, que estava disponível para os jogadores. O primeiro Campeonato de League of Legends também aconteceu na edição de 2012.

2014 foi o ano que o evento bateu recorde e virou a segunda maior feira de games do mundo! Com 70 mil metros quadrados, mais de 250 mil pessoas estiveram na BGS nos seus 5 dias - pra vocês terem ideia, a primeira edição de 2009 reuniu apenas 4 mil pessoas.

Seguindo nesse ritmo, a feira deixou de ser apenas focada nos consoles, e começou a abranger também o PC - afinal, os gamers estão em todas as plataformas.

2017 sem dúvidas fez jus à décima edição. Além da estrutura da feira e dos estandes, tivemos quatro nomes internacionais de muito peso - Ed Boon, Nolan Bushnell, David Crane e ele - Hideo Kojima!

Com tanta coisa boa em 2017, com certeza o desafio dos organizadores da Brasil Game Show para o ano que vem é se superar. Mas eles têm muitas cartas na manga - expositores que, com a ajuda da feira, passaram a enxergar o Brasil com outros olhos ao longo do anos, os eSports, que crescem a cada ano, e claro, as figuras internacionais que sempre saem daqui impressionadas com o publico e o mercado brasileiro.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.