BGS 2017: em entrevista, executivo detalha planos da Ubisoft para o Brasil
33
Compartilhamentos

BGS 2017: em entrevista, executivo detalha planos da Ubisoft para o Brasil

Último Vídeo

Antes de encerrar o primeiro dia da BGS 2017, nós tivemos a oportunidade de entrevistar Bertrand Chaverot, o diretor da Ubisoft na região da América Latina. Na ocasião, ele falou um pouco sobre o que espera dos próximos lançamentos da empresa, comentou a presença da desenvolvedora nos eSports no Brasil, explicou os problemas com servidores em games online e também falou a respeito da estratégia para a versão nacional da loja online Ubi Workshop.

Agora em outubro, três grandes lançamentos da empresa devem chegar ao Brasil e ao mundo, incluindo Assassin’s Creed OriginsSouth Park: A Fenda que Abunda Força e Just Dance 2018. Sobre o primeiro título, Chaverot afirma ter grandes expectativas e diz acreditar que os fãs brasileiros vão gostar das novidades, como os novos sistemas de quests, elementos de action-RPG e combate aprimorado.

Assassin's Creed Origins

Sobre o novo South Park, o executivo diz estar na torcida para que os órgãos regulatórios brasileiros compreendam que o título não é voltado para o público infantil, como é indicado pela classificação etária para maiores de 18 anos. Ele acredita que o humor típico da série foi muito bem representado no game e está certo de que os fãs vão curtir a novidade.

Por fim, Just Dance também chega cheio de novidades, incluindo uma assinatura gratuita do Just Dance Unlimited durante 3 meses, garantindo uma enorme quantidade de conteúdo para você dançar à vontade. Outros destaques do título são o modo infantil, para que a interface possa funcionar melhor com crianças pequenas, e uma modalidade de desafio contra pessoas do mundo inteiro por meio da internet.

Brasil brilhando nos eSports

Falando dos eSports, Chaverot afirmou que a Ubisoft planeja continuar investindo pesadamente em Rainbow Six Siege, com a realização da próxima final mundial aqui no Brasil, na cidade de São Paulo – com a presença de dois times brasileiros entre os 16 melhores do mundo. O campeonato nacional do jogo de tiro também deve continuar recebendo atenção da empresa e outros torneios podem ser realizados com parcerias com outras marcas, como foi o caso recente da colaboração entre a desenvolvedora e a Dell.

Tom Clancy's Rainbow Six Siege

Just Dance é outro título cujo cenário competitivo vem ganhando atenção da empresa por aqui. O Brasil foi o primeiro país a sediar disputas presenciais nacionais, que aconteceram em junho em oito cidades. O campeão da competição vai representar a nação no campeonato mundial, marcado para acontecer no começo de 2018 em Paris. Em todos os outros países, as seletivas ainda são apenas online.

Para For Honor, a companhia ainda está trabalhando em um modo de espectador para poder viabilizar o acompanhamento do game e, assim, levá-lo para o caminho dos esportes eletrônicos. “Temos também outras coisas vindo pela frente. Para nós, os eSports são muito importantes e o Brasil, dentro do cenário mundial, é uma das prioridades”, destaca.

Problemas com servidores

Questionado sobre os problemas dos servidores que afetaram os jogadores de For Honor, o executivo afirmou que a empresa aprendeu muito com o ocorrido e explicou o motivo por trás das dificuldades. “Hoje temos uma boa experiência, mas temos que lembrar que nos últimos 16 meses a Ubisoft lançou Watch Dogs 2, The Division, Ghost Reckon: Wildlands, For Honor, todos eles com elementos para multijogadores e a maioria em mundos abertos enormes. Então dessa vez acabamos exagerando um pouco e sobrecarregando os servidores”, pontua.

For Honor servidores falha

“Agora conseguimos consertar tudo, e o que não está perfeito vai continuar melhorando nos próximos meses até ficar tudo certo. A Ubisoft gosta de inovar, então às vezes pode ser um pouco difícil no início, mas estamos assumindo, corrigindo e fazendo tudo o que for necessário, e para os próximos títulos, como Assassin’s Creed, South Park, Far Cry 5 e The Crew 2, não devemos ter nenhum problema porque são jogos que tiveram bastante tempo para caprichar em tudo”, reforça Chaverot.

Novidades na loja para os fãs

A loja online de produtos licenciados da Ubisoft, a Ubi Workshop, ganhou uma versão brasileira em dezembro de 2016, e desde então vem expandindo a quantidade de produtos no seu catálogo. Chaverot afirma que isso é possível graças à formação de ótimas parcerias com empresas nacionais, que produzem itens exclusivos e originais de qualidade.

“O nosso desafio agora é ter mais produtos e um ciclo de novidades mais rápido. Para fazer isso, firmamos uma parceria com uma marca nacional, que vai nos ajudar a lançar novas camisetas com maior frequência.”, explicou, afirmando que também podemos esperar por promoções em períodos como a Black Friday, por exemplo.

Ubi Workshop Brasil camiseta

“Para mim, o que faltou um pouco em 2017 foi ter itens inéditos com maior frequência e também produtos lançados em antecipação aos novos lançamentos [de jogos]. É legal ter coisas dos títulos antigos, mas é bom também possuir opções dos que vão sair daqui a seis meses, um ano ou mais. Eu acho que, por exemplo, já deveríamos vender camisetas do Beyond Good & Evil 2, que vai sair talvez em 2019 ou 2020, mas os gamers já querem ter coisas exclusivas e limitadas”, pontua.

Opções de compra

Aqui estão os jogos em destaque no estande da UBISOFT:

Far Cry 5:

Assassin's Creed Origins:

South Park:

E aproveite, a Loja Oficial da Microsoft está com o MENOR preço do Brasil dos cartões Live Gold? Descontos de até 30%, confira: http://bit.ly/2gwxXqW 

Além disso, fica ligado, pois o Pontofrio e a Casas Bahias estão com uma promoção exclusiva para a BGS:

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.