Depois de conversar com Alexander Karpazis, produtor de Far Cry 5, durante o primeiro dia da BGS 2017, eu tive a chance de experimentar uma demonstração do jogo no estande da Ubisoft. Dessa forma, pude conferir de perto como está o visual do novo game, interagir brevemente com dois dos personagens destacados nos primeiros trailers e até pilotar um avião em um combate aéreo digno de Hollywood.

No começo da jogatina, você pode escolher um companheiro para ser controlado pela IA para te ajudar durante o combate contra os fanáticos do culto Eden’s Gate. São três opções: um homem que usa o arremesso de bombas para causar grandes danos, mas com alcance limitado, uma mulher que usa um rifle de longa distância para matar os inimigos um a um e o cachorro Boomer, que pode ajudar aqueles que desejam uma abordagem mais furtiva – eu escolhi o animal.

Far Cry 5 cachorro Boomer

Antes de mais nada, vale elogiar o trabalho da Ubisoft no visual de Far Cry 5. Não somente a natureza é deslumbrante, mas também a região como um todo consegue convencer na tarefa de passar ares interioranos. A estética mistura muito bem o rústico e o contemporâneo, o que me agradou bastante.

Mesmo espírito de sempre

Seguindo os indicadores de missão no compasso superior, fui levado às proximidades da área de Fall’s End, cujos moradores estavam sendo coagidos pelos membros do culto no meio das ruas. Armado apenas de um taco de baseball, me movi sorrateiramente até o topo de uma caixa-d’água para ver a situação melhor, e lá encontrei um rifle sniper para chamar de meu. Usando a arma, marquei os poucos inimigos visíveis e comecei a atirar.

A exploração e o combate seguem o espírito da franquia

Depois de eliminar dois ou três inimigos sem grandes dificuldades, os sobreviventes chamaram reforços, que chegaram em vários carros e logo atiravam contra mim a partir de todas as direções. Mas por mais assustadora que a situação parecesse, eliminar os adversários não foi uma tarefa difícil, bastando seguir uma tática de avançar até a beirada na plataforma, matar dois alvos, voltar para cobertura e repetir. Em dois minutos, todos os adversários estavam mortos sem que eu tivesse corrido perigo real.

Far Cry 5 sniper rifle

Nesse ponto, já foi possível constatar que a essência da franquia realmente não se perdeu. Por mais que você tenha a liberdade para explorar o mundo aberto, sempre há indicadores claros de para onde você deve ir se quiser avançar. Jogando de forma cuidadosa e furtiva, especialmente com a a juda de Boomer, os inimigos só serão uma ameaça real caso você eleve a dificuldade do jogo ao máximo – coisa que infelizmente não pude fazer na demonstração.

Interações decepcionantes

Depois de liberar a área, pude interagir com a dona de um bar local, Mary May. Ela demonstrou admiração pelo meu feito e rapidamente indicou que eu procurasse Nick Rye, um aviador local, para conseguir ajuda na luta contra o culto. Chegando lá, bastaram algumas palavras para que ele confiasse seu avião a mim em uma missão de destruição de pontos estratégicos.

Nesse ponto, admito que achei a interação com os dois personagens bastante superficial, ficando aquém da profundidade narrativa que foi prometida pelos trailers que ambos receberam na época do anúncio de Far Cry 5. Ficou aquela sensação genérica de um NPC que simplesmente diz “Obrigado, estranho. Agora pegue este item sagrado e vá até esse ponto no mapa para continuar sua aventura”. Obviamente, é possível que as interações ainda estejam incompletas ou que tenham sido simplificadas para agilizar a demonstração, mas por enquanto estão abaixo do esperado.

Diversão aérea

Seguindo para a missão aérea, fui orientado a usar o avião para destruir reservas importantes de materiais para o culto de Joseph Seed. Para isso, eu poderia usar as armas do veículo, o que inclui um par de metralhadoras, mísseis e bombas. Os controles da máquina são bastante intuitivos e o veículo responde de forma ágil, de forma que a missão diferenciada se torna algo descomplicado e bastante divertido

Depois de explodir os alvos tranquilamente, os inimigos enviam um avião próprio para tentar nos derrubar, e aí começa um jogo de gato e rato pelos ares que poderia muito bem aparecer em um filme hollywoodiano. Piruetas aéreas e outras manobras mirabolantes são necessárias para conseguir colocar o veículo inimigo na mira para o abate. Tudo isso contribui mais ainda para a diversão e serve como uma forma interessante de terminar a demonstração.

Far Cry 5 avião combate

Dedos cruzados

Considerando tudo o que pude conferir na ocasião, é inegável que os fãs da série vão encontrar em Far Cry 5 o mesmo espírito dos títulos anteriores. As mecânicas simples também facilitam a entrada mesmo de quem não é fã do gênero FPS, ao mesmo tempo em que os níveis de dificuldade podem garantir o desafio para os mais experientes. Isso tudo em meio a uma ambientação muito bem feita e rica tanto em beleza quanto em nível de detalhes.

O único ponto que me desapontou na demonstração foi justamente a interação com os personagens secundários, que pareciam ter bem mais profundidade nos trailers do game. O jeito aqui é torcer para que, quando finalizado, Far Cry 5 apresente um roteiro mais bem trabalhado para cada um deles. Se há uma coisa que podemos esperar é que, ao menos no que diz respeito aos vilões, isso provavelmente será feito.

Far Cry 5 vilões inimigos

Far Cry 5 terá versões para PC, PlayStation 4 e Xbox One e tem lançamento previsto para o começo de 2018.

Opções de compra

Separamos para você ótimos preços da franquia Far Cry, incluindo o 5:

Vocês sabiam que a Loja Oficial da Microsoft está com o MENOR preço do Brasil dos cartões Live Gold? Descontos de até 30%, confira: http://bit.ly/2gwxXqW 

Além disso, o Pontofrio e a Casas Bahias estão com uma promoção exclusiva para a BGS:

Ponto Frio: http://bit.ly/2yaF8iJ (CUPOM: BGS15)
Casas Bahia: http://bit.ly/2xxBVKp (CUPOM: CBBGS)