Bleeding Edge: Ninja Theory já trabalha nos problemas do game

Bleeding Edge: Ninja Theory já trabalha nos problemas do game

Último Vídeo

Em se tratando da Ninja Theory, Blaeeding Edge é um dos títulos mais “fora da curva” já trabalhados pela empresa, mas isso não significa que não seja interessante. O game foi lançado recentemente e logo alguns problemas começaram a perturbar a paz da equipe. Especialmente em relação a uma das maiores reclamações: desbloquear a taxa de frame rate para ampliá-la para níveis superiores a 60 FPS.

(Fonte: Xbox/Invision Community/Divulgação)(Fonte: Xbox/Invision Community/Divulgação)


A ideia de trabalhar a taxa de frame rate do jogo tem como foco o público usuário de PCs. Na realidade, a Ninja Theory já se pronunciou sobre essa questão em um post feito na página de notícias do site oficial de Blleding Edge.

Outros problemas

As reclamações sobre os problemas do game vão além da taxa de quadros. Outros aspectos apontados por jogadores foram:

  • Problemas de localização verificado em todas as plataformas — a informação é de que a correção saíra em breve. As versões em coreano e espanhol terão prioridade.
  • Problemas de atraso e estabilidade, também verificado em todas as plataformas — será resolvido em breve.
  • Falhas em conectar a serviços online (Steam) — as reclamações envolvem principalmente usuários da Austrália e China que relataram problemas de conexão. A desenvolvedora também sinalizou já estar trabalhando no problema.

Seguindo o mesmo caminho de diversos outros jogos multiplayer de equipes, Bleeding Edge traz uma história básica e até conhecida em vários segmentos: um mundo dominado por corporações.

Nesse cenário, Daemon acaba sendo impulsionando a criar sua própria gangue, a qual chama de Bleeding Edge. Sem mãe e vivendo em um mundo extremamente corrupto, Daemon se concentra nos porões de luta do submundo em busca de mais pessoas para seu grupo.

Nada de cenas e narrações complexas aqui, parte das revelações da história vem de diálogos nas partidas e algumas interações entre personagens.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.
Voltar para notícia
Carregando...
Comentários
Carregando...
Este comentário foi apagado. Desfazer
+1
-1
Este comentário foi apagado. Desfazer
Responder Excluir Editar
+1
-1
Ver mais comentários Ver mais comentários