Voxel
02
Compartilhamentos

Bônus na compra de Killzone 3 e primeira análise do jogo

Último Vídeo


A Sony, através do blog oficial da marca PlayStation, revelou ontem uma surpresa para os fãs de jogos de tiro em perspectiva de primeira pessoa (FPS). Quem fizer a compra de uma cópia especial de Killzone 3 — cujo lançamento oficial ocorrerá daqui a um mês — terá a oportunidade de obter uma chave para os testes Beta multiplayer do título SOCOM 4, que suporta batalhas para até 32 pessoas.

Confira as palavras de Chris Roper, da desenvolvedora Zipper Interactive:

“Para ter acesso antecipado à Beta, procure pela chamada de SOCOM 4 na parte da frente de todas as cópias elegíveis de Killzone 3 (incluindo as edições ‘standalone’ e Helghast). Dentro da caixa, você encontrará um código da PlayStation Network com o qual você terá acesso antecipado assim que a Beta começar. Para descobrir quando inicia a Beta multiplayer de SOCOM 4, acompanhe o site SOCOM.com assim que você adquirir sua cópia de Killzone 3, que será lançado em 22 de fevereiro.”

“Nós teremos mais informações sobre a Beta multiplayer de SOCOM 4 em um futuro próximo. Por ora, dê uma olhada na chamada para a Beta na incrível imagem de caixa de Killzone 3!”


A Sony lembra que é possível realizar a pré-compra de Killzone 3 em qualquer uma das lojas participantes (GameStop, Best Buy e Amazon) para garantir o acesso à Beta de SOCOM 4 e aos outros bônus.

Um jogo e tanto

Saiu a primeira análise do FPS da Guerrilla Games. Killzone 3 recebeu nota 9 de 10 da revista CD Action, uma das mais expressivas no mercado de video games da Polônia. Pelo visto, o terceiro título da série Killzone promete impressionar ainda mais os fãs de tiroteios.

Alguns dos prós do game, segundo a revista: campanha variada e bem balanceada, um nível de dificuldade desafiador e precisão na jogabilidade (incluindo o uso do Move). De acordo com as informações apresentadas, Killzone 3 é um dos jogos mais bonitos do planeta.

Uma tradução dos dados mostra que o autor da análise realmente ficou impressionado pelo visual, afirmando que o FPS ultrapassa todos os outros títulos existentes na atual geração de consoles. Saiba o que consta no fórum NeoGAF:

“Os locais são variados e tudo é bem detalhado. É uma alegria contemplar os inimigos. O analista vai longe ao afirmar que é quase um trabalho de arte interativo. O ritmo do game também melhorou em comparação com Killzone 2. O jogo é difícil do começo ao fim, mesmo na configuração normal.”

“O cooperativo é mencionado, mas o autor não elabora esse ponto. É certo que é possível jogar toda a campanha cooperativamente. O multiplayer foi testado somente com ‘bots’ (ainda não há como jogar com pessoas, visto que o jogo não saiu oficialmente), e mostra muitas melhorias e é tão interessante quanto o mesmo modo em K2. O som do jogo é bom, mas não se compara ao que é encontrado em Battlefield: Bad Company 2, por exemplo.”

Quanto aos aspectos negativos, parece que os protagonistas não são bons e “profundos” o suficiente — levando em consideração o peso da franquia — e há algumas dificuldades técnicas de menor porte.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.