Bungie explica a razão de mapas dos DLCs já estarem acessíveis em Destiny

Bungie explica a razão de mapas dos DLCs já estarem acessíveis em Destiny

Último Vídeo

Em entrevista por telefone com o site Eurogamer, o presidente da Bungie, Harold Ryan, responsável por Destiny, respondeu a perguntas relacionadas à primeira expansão do jogo, The Dark Below. Quando perguntado a respeito de as regiões da atualização já serem acessíveis, sua justificativa foi “para limitar o tamanho de download”, pois muita gente possui espaço restrito para instalar games.

Apesar disso, ele afirma que apenas os cenários estão liberados, nem de longe aquilo acessível no momento corresponde ao trabalho final. Além disso, segundo ele, apenas há três meses o desenvolvimento da expansão foi iniciado, não fazendo sentido, então, as acusações de que o estúdio estaria cobrando por um conteúdo já disponível na instalação básica – aliás, o valor de The Dark Below está em 19,99 dólares.

Segundo ele, a expansão traz a história de Eris, uma vendedora de “Tower”, que manda o jogador enfrentar o “Hive Overlord” Crota. Essa jornada inclui uma nova Strike (duas para quem tem um PlayStation), The Will of Crota, e uma nova raide, Crota’s End. Além disso, The Dark Below traz três novos mapas, bem como novos equipamentos e armas.

A expansão de Destiny, The Dark Below, tem o lançamento marcado para 9 de dezembro. O segundo DLC, House of Wolves, chegará em 2015.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.