Voxel

Capcom registra lucro apesar do mau desempenho de Resident Evil 6

Último Vídeo

Img_normal
A Capcom divulgou hoje seu relatório financeiro referente ao último trimestre de 2012. Apesar de comemorar uma alta de 44,6% nas vendas e 104,9% no lucro, a empresa amargou um desempenho abaixo do esperado de Resident Evil 6, seu principal game do período e que seria grande responsável pelo aumento nos números da companhia.

Entre outubro e dezembro de 2012, o sexto título da franquia de horror vendeu 4,8 milhões de unidades, motivando uma nova diminuição na expectativa total de comercialização. A Capcom, que antes via o jogo com potencial para se tornar o mais vendido de sua história, agora espera que 5 milhões de cópias saiam das lojas até o final de março deste ano, colocando-o abaixo até mesmo de seu antecessor, Resident Evil 5.

A série que está prestes a comemorar seu 17º aniversário, porém, apresentou um resultado surpreendente. A máquina de caça-níqueis do quinto game da franquia, lançada exclusivamente no Japão, apresentou desempenho recorde para a Capcom, com 35 mil unidades vendidas em apenas um mês.

Para a companhia, a soma é resultado da confiança dos lojistas japoneses na marca, que acreditaram em Resident Evil 5 para alavancar os lucros de seus arcades. A Capcom, agora, espera que a performance continue pelos meses vindouros, para que a desenvolvedora possa apresentar resultados acima do esperado ao final do atual ano fiscal.

Resultados de games antigos também foram apresentados. No último trimestre de 2012, Resident Evil: Operation Raccoon City teve mais 650 mil unidades vendidas, enquanto as diversas promoções em meios de distribuição digital resultaram em mais 100 mil cópias comercializadas de Resident Evil 5.

Retorno pouco aplaudido

Img_normal
Outra franquia que apresentou desempenho abaixo do esperado foi Devil May Cry. Apesar de ainda não ter apresentado números concretos, a Capcom revelou que reduziu a expectativa de disponibilidade do reboot, DmC, de 2 milhões para 1,2 milhão. Tal atitude revela um baixo interesse dos gamers pelo título, apesar das boas notas da crítica especializada.

Por outro lado, títulos como Dragon’s Dogma foram além das expectativas, assim como o relançamento de Monster Hunter Tri G para o Wii U, em sua versão de alta definição. O mercado digital também exibiu resultado surpreendente, de acordo com a Capcom, devido às boas vendas de DLCs, games para celular e títulos para PC vendidos por meio de redes como Origin e Steam.

Apesar das perdas, a Capcom não modificou sua expectativa de faturamento para o atual ano fiscal. Até 31 de março de 2013, a companhia espera lucros na faixa dos ¥ 93,5 milhões, um aumento de 11% em relação ao registrado no ano passado. Para o período seguinte, a companhia confia em Monster Hunter 4 como um grande alavancador de resultados.

Fonte: Capcom

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.