Capcom à venda: acionistas liberam futura aquisição da empresa

Capcom à venda: acionistas liberam futura aquisição da empresa

Último Vídeo

A desenvolvedora japonesa Capcom não está mal financeiramente e tem boas expectativas de venda com franquias futuras, mas tomou um passo bastante radical na estrutura da empresa: a partir de agora, ela pode ser adquirida por qualquer interessado.

Isso porque a última reunião geral dos acionistas da companhia, realizada na segunda-feira (16), eliminou uma "barreira" que impedia que a Capcom fosse comprada por meio da aquisição majoritária de ações. Isso não signfica necessariamente que a empresa será vendida agora ou em um futuro próximo, mas trata-se de uma abertura à indústria que pode atrair possíveis investidores.

Pela maioria dos votos, os acionistas decidiram derrubar o "sistema de defesa", que existia desde 2008. Antes, não estava liberada a venda de ações em larga escala a uma terceirizada, impedindo a possibilidade de alguém ou alguma companhia conquistar o controle da empresa.

Em um comunicado oficial, a Capcom afirma que "continuará focando em preservar e ampliar seu valor corporativo e os interesses comuns dos acionistas". Além disso, se uma eventual compra em larga escala de ações acontecer, todas as medidas legais serão aplicadas para fazer com que a operação seja admissível, bastante analisada e só aceita em acordo com a vontade da maioria.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.