Coluna: a BGS é um evento sobre comunidade e amizade
02
Compartilhamentos

Coluna: a BGS é um evento sobre comunidade e amizade

Último Vídeo

A BGS 2017 foi a primeira vez que pude participar presencialmente do evento que, este ano, completa seu décimo aniversário. E somente estando aqui para compreender que, embora seja centrado nos jogos eletrônicos, o evento tem sua força não nas dezenas de expositores e produtos disponíveis, mas sim na comunidade que atrai.

Ao andar pelos corredores da feira, o que mais podemos ver são grupos de amigos que vem aqui para compartilhar seu gosto em comum. Muita gente nem está tão interessada em jogar: poder passar um tempo com pessoas que compartilham seu hobby, assistir a algum campeonato ou ver aquele YouTuber querido, mesmo que de longe, já são o bastante para muita gente.

BGS 2017

Nem mesmo as longas filas são suficientes para deixar os visitantes chateados: tive a oportunidade de conversar com gente que, depois de um longo dia de feira, só conseguiu aproveitar uma ou duas novidades. No entanto, isso não foi motivo para eles terem se desanimado, já que o simples ato de “estar aqui” já é uma fonte de satisfação.

em toda a sua essência, a BGS é um evento totalmente focado em games

Contribui muito para tudo isso o fato de que, em toda a sua essência, a BGS é um evento totalmente focado em games. Claro, há as lojinhas que também trazem parte da cultura anime, bem como os restaurante que não são exatamente “temáticos", mas não há “concessões” a culturas como a do cinema ou a dos quadrinhos - aqui o negócio é falar sobre video games e tudo de bom que eles podem trazer.

Visitantes também são uma atração

A comunidade de fãs desse hobby incrível também é uma atração em si: feitos com muito cuidado, os cosplays vistos no evento são motivo para muita gente pedir fotografias e pedir dicas. Entre pessoas com roupas normais, é comum se deparar com lutadores de Mortal Kombat, com diversos Darth Vaders e até com crianças devidamente paramentadas como Luffy, de One Piece.

Também é comum encontrar quem use os corredores da feira para encontrar amigos que só conheceu pela internet ou que não eram vistos faz tempo. Como alguém que mora em Curitiba, encontrei na BGS a oportunidade de encontrar muitos amigos daqui de São Paulo e de outros cantos do país que, no cotidiano, só consigo”trocar uma ideia”pelo Twitter e outras redes sociais.

BGS 2017

Se você olhar atentamente, pode até encontrar alguns casais que aproveitam um tempinho livre para namorar um pouco, despreocupados se deu para jogar tudo o que queriam ou não. Os games estão sempre ali do lado, mas não exigem o papel de protagonista o tempo todo: elas são o elemento que une todos os presentes, não o fim em si.

Com o fim da BGS 2017, fica a saudade não dos somente dos jogos que pude testar ou das entrevistas legais que tive a oportunidade de fazer, mas também das boas conversas que pude ter e dos amigos que revi. Mais do que mostrar a força desse mercado, o evento destacou o lado humano que nem sempre fica evidente em notícias, reviews, colunas e discussões pela internet. E é por isso que ele, a cada ano, fica mais importante e maior.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.