Voxel

Com sombra do PS4, Microsoft ainda pode alterar hardware do Xbox One antes do lançamento

Último Vídeo

Fonte: Reprodução/Extreme Tech

Já foi dada a largada. PS4 e Xbox One apostam, de forma mortal, a premiação mais almejada pelas marcas: o amor dos consumidores. A Sony deixou claro que “é do povo” desde o começo, ao passo que o Xbox One voltou atrás com todas as suas políticas restritivas, teve funcionários desligados após o episódio (Don Mattrick coincidentemente indo para a Zynga depois do ocorrido) e ainda gera desconfiança no que diz respeito à administração dos fatos.

A última é que o hardware do Xbox One ainda pode sofrer alterações até o lançamento, algo que não é usual no mercado após um console ter sido apresentado ao público e ter todas as suas especificações divulgadas. Uma fonte não conhecida reportou ao site The Examiner que a GPU do aparelho poderá ter melhorias na velocidade do clock e que a memória RAM de 8 GB em DDR3 iria para 12 GB. E não para por aí: o time de desenvolvimento por trás do Xbox One estaria perguntando a designers e engenheiros que outras mudanças eles gostariam de ver.

É uma medida razoavelmente desesperada, visto que o console está apenas a quatro meses do lançamento e custará 100 dólares a mais que o concorrente PS4. Mas um dos problemas de todo o processo de marketing e divulgação do Xbox One tem sido esse: a bagunça dentro da própria Microsoft.

A “guerra” contra o PS4 é legítima, mas, para muitos analistas, os problemas que ocorrem no setor administrativo da empresa de Bill Gates em função do início de seu novo console com o pé esquerdo não o colocam em pé de igualdade com o aparelho da Sony, pelo menos até agora.

Vale ressaltar que esse upgrade de hardware do Xbox One é uma informação que ainda deve ser tratada como rumor.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.