Contrata-se: oferta de emprego da Microsoft esconde alguns mistérios

Contrata-se: oferta de emprego da Microsoft esconde alguns mistérios

Último Vídeo

A Microsoft já mostrou que quer começar o ano tremendo as bases da indústria dos video games e jogos. Os anúncios de seu evento dedicado ao Windows 10 revelaram muitos recursos interessantíssimos para os jogadores, como a possibilidade de transmitir alguns títulos do Xbox One para os PCs, o ambicioso HoloLens e o aguardado DirectX 12.

Porém, parece que a Microsoft ainda tem planos grandiosos debaixo das mangas, e algumas dicas sobre o que está por vir acabaram escapando em um anúncio de emprego da companhia. Publicado no Microsoft Careers, plataforma para divulgação de oportunidades na empresa, a vaga para Engenheiro de Software possui a seguinte descrição:

Contrata-se Engenheiro de Software

“Somos uma equipe de elite trabalhando em funções de baixo nível para tornar o Xbox One um console ainda mais capaz e atraente. Temos uma cultura colaborativa e processos enxutos com foco e estilo descontraído. Nós valorizamos especialmente a transparência, competência e autossuficiência. Nós trabalhamos em conjunto, gerindo e unificando todas as linguagens em qualquer uma e todas as camadas da plataforma. Aguardamos ansiosamente trabalhar em alguns dos desafios técnicos mais difíceis dos games, e amamos o que fazemos”.

“Estamos à procura de um programador altamente motivado para construir, depurar e otimizar recursos para um gerador de código X64 especializado. O projeto vai contribuir para mover os negócios do Xbox de uma nova maneira. Potência intelectual é essencial para esse papel. Projetos tecnicamente desafiadores com equipes saudáveis e de alto nível não aparecem com frequência – não perca esta oportunidade gratificante para contribuir e aprender como nunca”.

Gerador de código? Coisa boa pode vir por ai

A parte que chamou atenção no anúncio é exatamente aquela que descreve uma das atribuições do candidato: “... construir, depurar e otimizar recursos para um gerador de códigos X64 especializado”. Colocando em termos simples, um “gerador de código” é a parte do compilador que cria a estrutura que vai ser executada no processador da máquina. Sua importância para um console (e para um PC) é vital e fazer ajustes nesse componente requer muita competência.

Provavelmente jamais descobriremos mais detalhes sobre o que a Microsoft está tramando com esse anúncio de emprego. No entanto, com certeza vamos ficar sabendo caso a empresa anuncie um aprimoramento em um console que “achávamos” que já havia dado tudo o que podia. Vai ser interessante, para dizer o mínimo.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.