Criador de Bloodborne garante que jogar offline não prejudica a experiência

Criador de Bloodborne garante que jogar offline não prejudica a experiência

Último Vídeo

Apesar de ser um recurso bastante comum nos dias de hoje – sendo usado e abusado pelas desenvolvedoras de jogos –, a conexão constante à internet não agrada uma parcela dos gamers, que preferem não deixar seu querido console “pendurado” na web. Porém, se depender da From Software, seu Bloodborne vai tratar igualmente jogadores conectados e desconectados. Hidetaka Miyazaki, o idealizador do game, garantiu que quem preferir jogar offline não deve se preocupar, já que não perderá nada de muito significativo.

Em uma entrevista cedida à revista EDGE, o chefão de Bloodborne afirmou que a decisão de jogar online ou não cabe ao jogador, já que ele pode estar privado de internet por uma série de motivos. “Sinceramente, eu não diria que essas pessoas perderiam muito [do jogo]. É verdade que criamos o game para incluir experiências online únicas, mas isso não quer dizer que os jogadores irão perder algo essencial se não jogarem conectados”, explicou à publicação.

Ainda assim, Miyazaki confessou que prefere que o público jogue online se for possível, provavelmente desejando que todos possam aproveitar o título em sua totalidade. De qualquer modo, poderemos colocar a afirmação do japonês à prova em breve, já que Bloodborne chega às lojas no dia 23 de março com exclusividade para o PlayStation 4 – e PS Vita, caso você curta uma dificuldade extra.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.