Criador de PUBG fala da parceria com Microsoft e dificuldades no PS4
Seja o primeiro a compartilhar

Criador de PUBG fala da parceria com Microsoft e dificuldades no PS4

Último Vídeo

Sucesso inesperado até mesmo pelos próprios desenvolvedores, PlayerUnknown's Battlegrounds está numa guinada sem freio. Brendan Greene, criador do título, fala sobre a repercussão do game, a parceria com a Microsoft e o crescimento da equipe envolvida na produção desde março.

"Não imaginávamos que as vendas atingiriam esses números. (...) Queremos que o PC e o Xbox sejam idênticos em termos da experiência que você terá jogando", explicou o artista, apontando para as possibilidades do futuro.

E o cross-play, vai rolar?

A questão permanece uma incógnita, mas sim, o assunto está sob "intensa discussão" entre os membros da equipe de desenvolvimento. De acordo com Greene, a disparidade entre mouse e teclado e um joystick é grande, e isso exige planejamento.

Um homem com um capacete

PS4? Provavelmente não

Sobre a possibilidade de PUBG ser lançado ao PS4, o criador acha improvável que o cenário exista por conta da parceria com a Microsoft numa etapa crucial do processo: a publicação/distribuição do jogo. Greene frisou que "o time está limitado" e que, no momento, pode "apenas focar no PC e no Xbox", sem necessariamente descartar a hipótese de entregar a experiência no console da Sony.

Por enquanto, é algo apenas improvável, não impossível. Como a Microsoft tem um programa de Preview muito eficiente, Greene comenta que "o jogo pode ser desenvolvido com os jogadores". A Sony carece de um sistema de prévia aos moldes do Early Access do Steam ou do Preview Program do Xbox.

É isso. PlayerUnknown's Battlegrounds está no mencionado Early Access do Steam e deve chegar ao Xbox One até o final deste ano. Você também está na febre pelo jogo? Relate aqui embaixo, nos comentários.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.