Voxel

Crytek diz que combate de Ryse terá “ritmo e fluidez”

Último Vídeo

Ryse: Son of Rome é uma das promessas exclusivas do Xbox One. A opinião em torno do game ainda está dividida, mas a Crytek bate na mesma tecla: o jogo vai surpreender e terá um sistema de combate bastante eficiente. Segundo a desenvolvedora, a transição da primeira para a terceira pessoa permitiu à equipe elaborar um sistema de combate baseado em timing (os QTEs que conferimos até agora) mais eficaz. É o que podemos conferir no vídeo acima, um diário do desenvolvedor que mostra mais detalhes do game.

“A fluidez era importante para nós. Queríamos que o jogador fosse capaz de envolver seus oponentes e visceralmente acabar com eles um após o outro sem limites de golpes nessa sequência”, afirmaram o produtor-sênior Brian Chambers e o diretor de design Patrick Esteves no blog Xbox Wire. “Quanto maior for a fluidez do jogador, melhores serão as recompensas”, escreveram no blog.

Segundo os desenvolvedores, se o jogador conseguir manter um bom timing entre atacar e bloquear, o protagonista do game, Titus, seguirá adiante e aniquilará inimigos com mais rapidez. Em um grupo de adversários, por exemplo, uma morte pode culminar com Titus encarando outro inimigo na sequência pronto para atacar. Isso desencadeia uma sequência de golpes e matanças que jorram sangue na tela e dão pontos de experiência. Também será possível reduzir a velocidade do tempo (uma espécie de “bullet time”) para determinadas execuções.

Promissor, não? Ryse: Son of Rome será lançado junto com o Xbox One e é um título exclusivo para o console da Microsoft.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.