Crytek não está feliz com vendas do Xbox One; Ryse pode pintar no PS4
Seja o primeiro a compartilhar

Crytek não está feliz com vendas do Xbox One; Ryse pode pintar no PS4

Último Vídeo

Após Ryse: Son of Rome ter sido anunciado para chegar ao PC em outubro e com suporte para resolução 4K, chegou a vez da Crytek desabafar sobre as vendas do Xbox One e comentar os rumores de que uma possível sequência não estaria pautada.

Em entrevista ao site Eurogamer, Cevat Yerli, CEO da Crytek, negou os rumores de que Ryse 2 teria sido cancelado. Para tranquilizar os fãs da franquia, a sequência do game vai existir, mas o chefão da companhia acha melhor lançá-la no momento certo, ou seja, quando as vendas do Xbox One aumentarem.

Apesar do bom relacionamento com a Microsoft, Yerli justificou o motivo que o levou a não conceder 100% dos direitos de Ryse para a companhia – diferentemente de Halo e Gears of War, por exemplo, que já são "da casa". Segundo ele, a Crytek “não está 100% feliz com o número de vendas do Xbox One e, por isso, é melhor esperar o momento adequado."

Já que oferecer os direitos de Ryse para a Microsoft não está nos planos da Crytek, o próximo título da franquia pode dar as caras também no console mais recente da Sony. Yerli não hesitou e afirmou que isso realmente pode acontecer: “nós podemos fazer o que bem entender com o título e com quem nós quisermos. Estamos recebendo muitos feedbacks positivos e considerando um lançamento para outra plataforma, mas, até o momento, não há nada oficial que eu possa comentar”.

Ryse: Son of Rome foi um jogo que dividiu opiniões: muitos acharam que o jogo foi uma experiência rasa e repetitiva, enquanto outros adoraram sua atmosfera sangrenta e repleta de cabeças decapitadas. Em nossa análise, Ryse e seu protagonista Marius “passaram de ano” com uma nota 75

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.