Voxel

Decepção com vendas faz a THQ realizar novas manobras

Último Vídeo

Img_original

A receita líquida do primeiro trimestre da THQ não agradou em nada a companhia, sendo US$ 30,1 milhões abaixo do resultado obtido no ano passado, dentro no mesmo período, de US$ 243,5 milhões. Apesar de os US$ 149,4 milhões alcançados parecerem uma quantia grande, ela é bem modesta quando se trata de um gigante da indústria do entretenimento eletrônico.

Uma das maiores decepções da publicadora e desenvolvedora foi o título UFC 2010 Undisputed, que não seguiu o mesmo sucesso de UFC 2009 Undisputed com a marca de 3,5 milhões cópias. vendidas. As expectativas da THQ eram baixas, pois ela só distribuiu 2,7 milhões cópias da edição deste ano do título às lojas, porém, a recepção foi ainda menor do que a esperada, de acordo com uma publicação aos investidores.

Em entrevista à GameIndustry, o chefe de marketing Jon Rooke afirmou que é difícil convencer o consumidor a comprar o game só po conta dos novos lutadores, mas em 2011 as pessoas vão querer comprar o próximo título que será "fantástico".

Já o diretor executivo, Brian Farrel, disse em seu relatório fiscal que a THQ está levando em consideração aumentar o ciclo de desenvolvimento de seus jogos. Em vez de lançar um jogo por ano, aumentar a duração dos projetos para em torno de 15 e 21 meses.

Farrel também propõe o plano de impulsionar sua política de conteúdos online para alavancar a receita digital da empresa.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.