Deep Silver reconhece que último Homefront foi lançado antes da hora

Deep Silver reconhece que último Homefront foi lançado antes da hora

Último Vídeo

Lançado em maio deste ano, o game de tiro em primeira pessoa Homefront: The Revolution teve uma recepção nada calorosa. O jogo foi mal avaliado pela crítica e recebeu diversas reclamações, especialmente por conta dos bugs nas versões para console.

O fracasso foi tanto que até a própria distribuidora admitiu que o jogo foi lançado cedo demais. Em entrevista ao MCV, Paul Nicholls, diretor de marketing da companhia, reconheceu que o game não foi o sucesso esperado, mas que eles aprenderam bastante com isso.

O problema foi a data

A visão da distribuidora é que vários dos maiores problemas foram resolvidas com atualizações nos meses que se seguiram ao lançamento. “O time da Dambuster (a desenvolvedora) fez um trabalho fantástico. Com o que aquela equipe fez, corrigindo os problemas e assim por diante, o sentimento com os consumidores mudou completamente”, disse o diretor.

Nicholls afirmou que atualmente eles estão recebendo um retorno bem mais positivo do que o visto na época do lançamento. Por isso, o maior problema do título teria sido mesmo a data. Isso aconteceu mesmo com os atrasos durante a produção, que estava originalmente prevista para ser lançada em 2015.

Homefront: The Revolution está disponível para PlayStation 4, Xbox One, Windows, Linux e macOS.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.