Demônio, dragão ou girafa? Dubladora de Bayonetta não sabia com quem lutava

Demônio, dragão ou girafa? Dubladora de Bayonetta não sabia com quem lutava

Último Vídeo

Bayonetta 2 está chamando a atenção dos gamers pelo mundo todo principalmente pelas gloriosas análises que a mídia especializada está atribuindo ao novo exclusivo do Wii U. Se isso não é algo para deixar muitos impressionados, uma curiosidade sobre o jogo pode deixar todos nós no mínimo intrigados: a dubladora de Bayonetta, Hellena Taylor, admitiu em uma recente entrevista para a Nintendo News que não sabia quais monstros a protagonista estava enfrentando.

Perguntada sobre a influência na personalidade de Bayonetta, a atriz britânica admitiu que a voz da personagem foi quase uma obra sua. “Os criadores foram responsáveis por darem vida a ela e eu só trabalhei com isso”, confessou Taylor. “Eu fui influenciada pela pequena descrição de cinco linhas e um desenho em preto e branco. O fabuloso Kris Zimmerman-Salter me ajudou muito durante a gravação já que eles não queriam me revelar nenhum ponto da trama.”

Tanto segredo fez com que a própria dubladora não soubesse ao certo quem a protagonista estava combatendo. “Eu não tinha a mínima ideia se estava enfrentando demônios, dragões ou girafas voadoras. Eu só imaginei a maior coisa que eu podia visualizar na minha mente para colocar mais esforço nela. Kris ainda permitiu que eu fosse bastante atrevida com Bayonetta”, revelou.

Taylor também deu mais alguns detalhes do processo de gravação. “Eu não tive qualquer tipo de treino. Eles não liberavam o script para os atores antes por temerem vazamentos. Isso é difícil para um ator que gosta de ensaiar e também irritante já que eu nunca trabalharia contra os criadores que me contrataram. Dessa forma eu tinha 30 segundos para ler a linhas e depois fazer três tomadas”, comentou a atriz.

“Eu tinha que imaginar o que eu dizia e para quem eu estava dizendo. Mas a parte mais difícil foram os gritos durante as brigas. Aparentemente os homens adoram fazer eles e as mulheres acham isso difícil, sem falar que ele pode se tornar um desastre para a sua voz se você não tomar cuidado. Eu me mexia muito dentro da sala para tornar a voz mais viva”, relembrou Taylor.

A atuação da atriz, apesar de todos os mistérios que teve, com certeza foi fundamental para criar a Bayonetta que conhecemos hoje. E em breve será a vez do BJ também analisar a continuação da série para o Wii U e conferir de perto o trabalho de dublagem, aguardem!

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.