Desenvolvedores de PUBG querem transformar o game em uma força do eSports

Desenvolvedores de PUBG querem transformar o game em uma força do eSports

Último Vídeo

Hoje em dia, é muito comum um game ser lançado com elementos multiplayer prontos para tornar o título mais uma força no mundo dos eSports. Apesar de seu sucesso, PlayerUnknown's Battlegrounds ainda está engatinhando nesse universo, como seus próprios desenvolvedores admitem. Agora, o plano dos responsáveis pelo game é reverter essa situação e transformar PUBG em um jogo digno para transmissões de eSports.

Em entrevista ao site PCGamesN, o diretor criativo de PUBG, Brendan Greene comentou que recentemente aconteceu o primeiro grande campeonato do jogo, sediado na Alemanha, e que ele serviu como um experimento para que a empresa possa entender como transformar o jogo em algo mais atraente aos fãs de eSports.

Segundo Greene, o campeonato pode mostrar como os fãs se comportam em relação à forma de transmissão para o jogo, que coloca 100 jogadores em um imenso mapa e como tornar a competição interessante para quem está assistindo e jogando.

PUBG

Sobre esse começo um pouco complicado para o game, Greene comentou que sempre disse que o game ainda não está pronto para eSports e que essa sempre foi a posição da empresa por trás do jogo. Só que o time de desenvolvedores está na Coreia do Sul trabalhando forte para que esse cenário mude.

De acordo com o diretor criativo, os próximos doze meses serão de experimentos para refinar a maneira como as competições serão transmitidas para deixar PUBG entre os jogos mais procurados do mundo dos eSports. Parte disso envolve também resolver bugs que ainda atrapalham o game, além de implementar funções que os jogadores e fãs pedem há algum tempo para, segundo Greene, deixar Battlegrounds "o mais competitivo possível".

Resta saber se essas mudanças funcionarão. Você acompanhou a competição de PUBG na Alemanha? Dê a sua opinião nos comentários.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.
Voltar para notícia
Carregando...
Comentários
Carregando...
Este comentário foi apagado. Desfazer
+1
-1
Este comentário foi apagado. Desfazer
Responder Excluir Editar
+1
-1
Ver mais comentários Ver mais comentários