Voxel

Destrinchamos o trailer de jogabilidade de DmC: Devil May Cry na TGS 2011!

Último Vídeo

Após muitas críticas e reclamações dos fãs de Dante, o reinício da série Devil May Cry finalmente teve detalhes revelados pela Ninja Theory, desenvolvedora do novo DmC. Durante a Tokyo Game Show, o estúdio deixou de lado a história inédita e liberou um novo trailer focado na jogabilidade, mostrando o que a versão rejuvenescida do protagonista é capaz de fazer.

O vídeo é direto e reforça tudo aquilo que a companhia já havia comentado em eventos anteriores, como E3 e gamescom. O primeiro ponto é exatamente a existência de cenários dinâmicos, ou seja, que se modificam durante os combates. A união entre o mundo dos humanos e o Limbo criará essa distorção, alterando constantemente várias estruturas, como pode ser visto na desconstrução de prédios e do próprio parque de diversões no início da apresentação.


A essência dos combates

Outro ponto reforçado pela Ninja Theory foi o fato de que os combates manterão sua essência em DmC: Devil May Cry. Por mais que tenhamos um reinício da série, a mecânica que eternizou Dante continuara presente — e o trailer não nega isso. O que chama a atenção é que as lutas estão realmente frenéticas, dando continuidade ao uso de espadas e armas de fogo.


A grande diferença em relação aos títulos anteriores é que o novo game será focado na ação aérea, algo destacado no vídeo. Dante arremessa seus inimigos para o alto a todo o instante e continua seus ataques de formas diversas. Em um primeiro momento, por exemplo, ele usa uma foice para jogar os monstros para cima e inicia uma sequência incessante de tiros. Em outro, aproveita a vantagem aérea para usar sua espada.


Quanto à variedade de equipamentos, além dos itens já citados, Dante também parece possuir tipos diferentes de armas de fogo, cada uma com efeitos variados. Em uma delas é possível perceber a existência de um disparo poderosíssimo, enquanto outra faz com que seu tiro acerte todos os indivíduos na tela.


Outro acessório interessante que aparece em determinados instantes do trailer é a garra. Ela é usada por Dante tanto em combates, aproximando monstros em combos aéreos, quanto no meio das fases. Nesta parte, seu funcionamento lembra muito às Hooks de Link em The Legend of Zelda, permitindo que o personagem alcance áreas de difícil acesso.


Os cabelos brancos voltaram

Por fim, o grande destaque do trailer exibido na Tokyo Game Show está em seus últimos segundos. Neles, é possível ver Dante entrando em uma espécie de modo especial — possivelmente será o equivalente do Devil Trigger dos jogos anteriores —que deixa seus cabelos brancos, como a versão clássica do personagem. Ao ativar essa modalidade, ele aparenta ficar mais rápido e poderoso, criando combos mais extensos e mais fortes.


A estética renovada realmente permanece inalterada e o protagonista lembra pouco o velho Dante mesmo com a cor tradicional. Porém, com exceção desse detalhe, tudo em DmC: Devil May Cry parece estar muito próximo dos títulos desenvolvidos pela Capcom. Além disso, os gráficos estão muito bons e o desempenho de 30 quadros por segundo parece não incomodar, apesar de termos a sensação que teremos muitos momentos em câmera lenta ao final de cada combo — algo feito para não derrubar a taxa de fps.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.